Coligação faz festa da democracia no Quinari

Uma grande movimentação que mobilizou a cidade  marcou ontem presença da Coligação Liberdade e Produzir para Empregar no Quinari .No final da tarde, uma multidão já agitava as bandeiras da oposição na rua principal enquanto os candidatos aproveitavam para divulgar suas plataformas políticas e conseguir votos nesta reta final de campanha.

quina

O candidato a Governo, Tião Bocalom(PSDB) e a  Senado Federal pelo PMN,Sérgio Petecão, foram o tempo todo o alvo principal das manifestações, apertando mãos, abraçando pessoas e tirando fotos com populares que faziam questão de expressar seu voto de protesto a 12 anos de estagnação econômica e centralização política. Numa novidade deste período eleitoral, o carro de som anunciava os e.mails que chegavam a todo tempo ao site de campanha, saudando os candidatos e passando mensagens de sucesso nas urnas.”Foi uma festa da democracia”, assegurou Petecão.

Em seguida, a manifestação seguiu numa enorme passeata que cortou as principais ruas do Quinari. A população em massa participou da mobilização,ora integrando a passeata, ora acenando das casas e comércios por onde passava a  manifestação.O Quinari inteiro pôde demonstrar livremente seu favoritismo pela Coligação numa prova definitiva que entendeu a mensagem da oposição e decidiu pela renovação e mudança dos hábitos políticos. Na chegada ao local do comício, uma aglomeração  ainda maior aguardava o início dos discursos.O primeiro a falar, o prefeito James Gomes, disse que o Quinari tem tradição de oposição e demonstrou isto com a multidão presente, numa autêntica demonstração de força popular.”O povo perdeu o medo e quer mudanças”, afirmou.E saudou Petecão como  um grandes amigos do Quinari, ”que jamais esqueceu do município em suas emendas”.

Num breve discurso, o candidato a reeleição para a Câmara dos Deputados, Flaviano Melo(PMDB)disse que Bocalom vai fazer as mudanças que o povo quer e exige. Já a candidata a deputada federal, a vice-prefeita Solange Pascoal(PMN) foi outra a agradecer Petecão por tudo que fez pelo Quinari e repudiou o Governo por  tentar intimidar a oposição e limitar a democracia. Em sua fala, Marileide Serafim(PMN), .candidata a deputada estadual, convocou todos a “vitória do resgate da cidadania”e disse que a Coligação é integrada por pessoas que realmente amam o Acre. A candidata denunciou uma vez mais a exportação  para o exterior de toras maciças, ”sem agregar qualquer valor ou gerar emprego no Acre”.E disse ainda que a castanha sai in natura para a Bolívia e boa parte da borracha está sendo beneficiada em São Paulo.

Por seu lado, Bocalom lembrou que esta campanha é uma verdadeira disputa entre Sansão e Golias.
 Num desabafo público, Sérgio Petecão disse a multidão que  deseja que Deus dê em dobro tudo o que seus adversários desejam a ele.E garantiu uma vez mais que não vai responder aos insultos dos programas eleitorais. (Assessoria)

Assuntos desta notícia

Join the Conversation