Fundação Casa (SP) abre concurso com 468 vagas para todos os níveis

A Fundação Casa de São Paulo, antiga Febem, lançou edital de concurso público para preencher 468 vagas em todos os níveis de escolaridade. As remunerações previstas em edital variam de R$ 605 mil a R$ 2,9 mil, de acordo com o nível de escolaridade exigido pelo cargo e a carga horária que pode variar entre 20 e 40 horas semanais. Além do salário base, os servidores vão receber vale refeição, vale alimentação, vale transporte, assistência médica, assistência odontológica, seguro de vida, auxílio funeral e auxílio berçário para servidoras com filhos de três meses a seis anos de idade.

O concurso será organizado pela Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Fundação Vunesp). As inscrições devem ser feitas entre os dias 18 de outubro e 17 de novembro, por meio do endereço www.vunesp.com.br. O custo da taxa de inscrição varia de R$ 25 a R$ 66.

Cargos – Candidatos com nível fundamental completo podem disputar chances nos cargos de agente operacional, pedreiro, pintor, serralheiro, vidraceiro, agente de apoio operacional e motorista. Já quem tem nível médio completo vai poder se inscrever aos postos de agente administrativo, técnico operacional, técnico de Enfermagem do trabalho e técnico de segurança do trabalho, entre outros. A seleção também oferece vagas para os diplomados nas funções de advogado, dentista, médico, arquivista, engenheiro e médico do trabalho.

Os novos trabalhadores serão regidos pelos preceitos da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). A contratação terá caráter experimental e será dividida em dois períodos de 45 dias. Ao término destes prazos, sendo positivo o resultado da avaliação feita pelo responsável da área, o contrato será convertido automaticamente para prazo indeterminado. Além disso, todos os postos estarão sujeitos a escalas de trabalho diurna e noturna, podendo incidir aos sábados, domingos e feriados, de acordo com as necessidades da Fundação Casa.

Avaliações – Todos os candidatos serão submetidos a provas objetivas, marcadas para o dia 30 de janeiro, nas cidades paulistas de Campinas, Iaras, Jacareí, Marília, Ribeirão Preto, Santos e São Paulo. Ainda pode haver provas práticas dependendo do cargo no qual o candidato estiver inscrito. (G1)

 

Assuntos desta notícia

Join the Conversation