Gastos de turistas brasileiros no exterior crescem e chegam a US$ 11,4 bilhões

Brasília – Os gastos de brasileiros em viagem ao exterior continuam a crescer, segundo dados do Banco Central (BC), divulgados hoje (25). De janeiro a setembro, os brasileiros gastaram no exterior US$ 11,468 bilhões, contra US$ 7,467 bilhões registrados nos nove meses de 2009.

Os estrangeiros gastaram no Brasil, de janeiro a setembro, US$ 4,322 bilhões, contra US$ 3,868 bilhões em igual período de 2009.

Somente no mês de setembro, os brasileiros gastaram US$ 1,580 bilhão contra US$ 1,053 bilhão no mesmo mês de 2009. O resultado foi o maior da série histórica do BC, iniciada em 1947, superando até mesmo períodos de férias quando normalmente aumentam as viagens ao exterior.

Os gastos de estrangeiros no Brasil ficaram em US$ 454 milhões, em setembro, contra US$ 401 milhões em igual período do ano passado.

Na avaliação do chefe do Departamento Econômico do BC, Altamir Lopes, a tendência é de continuidade do aumento das viagens de brasileiros ao exterior. “Isso tende a continuar porque está vinculado a ganhos de emprego e renda, e esses fatores estão presentes na economia brasileira e o quadro não deve se alterar de forma significativa”, disse.

Nos dados preliminares deste mês, até hoje (25), as despesas de brasileiros em viagens ao exterior somam US$ 1,264 bilhão e os gastos de estrangeiros no Brasil estão em US$ 313 milhões.

A conta de viagens internacionais faz parte da balança de serviços, negativa em US$ 22,423 bilhões. Um dos motivos desse saldo negativo é a conta de viagens internacionais, que registra mais gastos de brasileiros no exterior do que de estrangeiros no Brasil. Segundo Lopes, também contribui para esse resultado a conta de aluguel de equipamentos que ficou deficitária em US$ 9,812 bilhões. (Agência Brasil)

Assuntos desta notícia

Join the Conversation