Morre aos 81 anos fundador do Sesi e Senai no Acre

Um dos maiores baluartes do Sistema Fieac, José Higino de Sousa Filho, morreu aos 81 anos na madrugada desta quinta-feira, 21, no Hospital Santa Juliana, onde estava internado por sérios problemas de saúde.

Morte-jose-higino

Higino foi o fundador do Sesi e do Senai no Estado, dirigindo-os por 17 anos. Ele ainda ocupou o cargo de diretor adjunto do Departamento Regional do Senai, criado em 1989, e desempenhou, cumulativamente, o cargo de diretor da divisão administrativo-financeira. Terminou seus dias como secretário do Conselho Regional da instituição, colaborando, portanto, por mais de 30 anos com o Sistema Fieac.

Formado em Direito pela Universidade Federal do Acre (Ufac), na turma de 1976, Higino ainda desenvolveu o dom da escrita, contribuindo com a cultura acreana assinando a autoria de três livros: “O Trabalho Vence Tudo”, “A Luta Contra os Astros” e “O Segundo Round” – este último lançado no ano passado em evento bastante prestigiado por membros da Academia Acreana de Letras no auditório do Sebrae -, além de documentários sobre a Fieac, Sesi e Senai.

“Sentirei muito a falta desse homem, do companheiro de trabalho, do conselheiro e de nosso ouvidor e amigo José Higino. Ele tinha o dom de ouvir, de ajudar, de aconselhar sem ser autoritário, de dividir conhecimento e seus princípios e valores”, declarou Solange Chalub Teixeira, diretora regional do Senai.

Para o presidente do Sistema Fieac, João Francisco Salomão, trata-se de uma perda inestimável. “Ele era uma referência para nós, um exemplo a ser seguido, de comprometimento com o trabalho e com seus colegas. Uma pessoa realmente insubstituível.”

José Higino de Sousa Filho nasceu em Tarauacá, em 1929, sendo o terceiro na ordem de uma irmandade de cinco homens e quatro mulheres. Foi casado com Maria José Gomes de Sousa, com quem teve três filhas: Jeanett, Jeize e Janne.

O escritor chegou a ser oficial de gabinete do governador José Augusto de Araújo e chefe do serviço de expediente do gabinete do governador Edgard Pedreira de Cerqueira Filho. Foi também diretor do Departamento de Planejamento e Controle da Secretaria de Planejamento no governo Jorge Kalume e secretário de Planejamento no governo Wanderley Dantas. Atuou ainda como membro do Conselho Estadual de Educação no governo Geraldo Gurgel de Mesquita. (Assessoria Fieac)

 

 

Assuntos desta notícia

Join the Conversation