No Dia do Médico, profissionais lutam por valorização

CRM desenvolve campanha visando a valorização do médico, para comemorar o dia 18 de outubro, dedicado a esses profissionais
CRM
“Prometo que ao exercer a arte de curar, me mostrarei fiel aos preceitos da honestidade, da caridade e da ciência”. A afirmação é repetida pelo médico ao concluir sua faculdade. É o “Juramento de Hipócrates”, filósofo grego, nascido na ilha de Cós (460-377 AC), que por seus ensinamentos sobre ética médica, é conhecido como Pai da Medicina.

Diariamente nas unidades de Saúde encontramos centenas de profissionais médicos que dedicam suas vidas para salvar vidas, colocando em prática o juramento feito na conclusão do curso. São pessoas que durante muitos anos se prepararam para exercer a medicina com amor e dedicação. Em todo Estado eles são mais de 500.

E neste 18 de outubro, dia dedicado aos médicos, eles afirmam que o mais importante é ajudar aqueles que precisam, mesmo com todas as dificuldades nas estruturas físicas das unidades de Saúde e com as limitações de equipamentos.

“A medicina é muito mais que uma profissão. É mesmo uma vocação. Não há quem no exercício dela não tenha se encontrado e realizado. Saber que mesmo em meio às dificuldades exercemos nossa profissão com amor e dedicação é ter a certeza que estamos cumprindo uma linda missão”, afirma a médica Dilza Ribeiro, presidente do Conselho Regional de Medicina do Acre (CRM-Acre).

Para ela é de fundamental importância a valorização dos médicos. “Um médico valorizado é com certeza, um grande profissional à serviço da vida”, destaca. A médica lembra que é preciso respeitar, reconhecer e oferecer melhores condições de trabalho ao médico, para que possa cumprir bem seu papel.

Dilza Ribeiro e os demais conselheiros do CRM vem batalhando para garantir melhores condições de trabalho para os médicos acreanos. A árdua missão vem ganhando força e respeito por parte da população.

“Nós temos nos empenhando para que a população tenha acesso a uma Saúde de qualidade. Sabemos dos desafios e estamos dispostos a continuar trabalhando para atingir nosso objetivo. Queremos continuar desempenhando nossa função com amor e dedicação, mas com melhores condições de trabalho”, revela.

A presidente do CRM lembra ainda que os Conselhos de Medicina trabalham pelo reconhecimento profissional médico e por uma melhor assistência em saúde. “Por isso é importante a sociedade acompanhar nosso trabalho. O CRM existe para defender a prática médica e lutar por uma Saúde melhor para todos”, afirmou.

Valorização para quem salva vidas
Em 2010, para comemorar o Dia do Médico, celebrado no dia 18 de outubro, o Conselho Regional de Medicina está desenvolvendo uma série de atividades visando a valorização do profissional médico.

Em união com o Conselho Federal de Medicina (CFM) e com os Conselhos de outros estados, o CRM iniciou a campanha “Reconhecimento, respeito e condições de trabalhar pela saúde de todos”, convidando a população para uma reflexão sobre a importância do médico e, ao mesmo tempo, chamando atenção dos gestores para as condições de trabalho oferecidas nas unidades de Saúde em todo Estado.

Neste domingo, 17, será realizada uma missa em ação de graças pelos médicos. No dia 22, sexta-feira, os médicos com 25 anos de inscrição no CRM e que não tem nenhuma infração, serão homenageados.
Também acontecerá um curso de atualização em Radiologia e Diagnóstico por Imagem, que será ministrado por professores especialistas na área, nos dias 22 e 23, no auditório do CRM. 

“Nosso objetivo principal é convidar a sociedade e os gestores para uma profunda reflexão sobre o papel desempenhado pelos médicos. Sabemos que a nossa missão é cuidar e salvar vidas, mas precisamos das condições para que possamos cumprir nosso papel”, explica Dilza Ribeiro. (Ascom CRM)

CRM_2

CRM_3

Assuntos desta notícia

Join the Conversation