Votação de Marina leva eleição presidencial ao segundo turno

O desempenho surpreendente da candidata Marina Silva (PV) na reta final das eleições presidenciais levou o pleito para o segundo turno.
Segundo_turno_0410
Para a favorita Dilma Rousseff (PT) faltou cerca de cinco milhões de votos para conseguir a maioria mais um em relação aos seus adversários. Em termos percentuais Dilma conseguiu 46,27%, Marina 19% e José Serra (PSDB) 33%. Com a apuração fica definido o segundo turno que acontecerá no dia 31 de outubro entre José Serra e Dilma Rousseff.

Um fato importante a ser destacado é a vitória de Marina Silva no Distrito Federal. Além disso, a candidata verde ganhou de José Serra no Amapá, no Amazonas, no Ceará e no Rio de Janeiro. Uma performance considerável. Sem contar que a acreana conseguiu colocar a sua bandeira principal do meio-ambiente como uma questão essencial.

Com a definição do resultado Marina Silva se tornará o apoio mais atrativo para os dois concorrentes. Para o lado que a candidata acreana pender teoricamente haverá vantagem.

Mas segundo analistas a tendência de Marina é se manter neutra. Outro fator importante a ser analisado é a grande vantagem de votos conseguidos por Dilma em relação a Serra.

Mas de qualquer maneira o segundo turno é uma nova eleição em que os dois concorrentes têm o mesmo espaço de rádio e televisão. No entanto, o apoio do presidente Lula (PT) à Dilma ainda deve ser considerado.

 

Assuntos desta notícia

Join the Conversation