Instituto de Identificação possibilita casamento coletivo na Expoacre

No período de 18 a 26 de julho, o Instituto de Identificação do Acre organizou uma equipe que ficou responsável pela expedição das Carteiras de Identidade das pessoas que irão se casar no Projeto Cidadão do Tribunal de Justiça do Acre, no próximo dia 30, na Feira de Negócios Agropecuária do Acre – Expoacre.

“O Projeto Cidadão é nosso parceiro há mais de 15 anos e juntos temos trabalhado para bem servir à população que necessita dos serviços que são prestados por nós. Para facilitar a vida dos cidadãos que estarão casando na Expoacre, nós realizamos a entrega da Carteira de Identidade no mesmo dia em que o cidadão deu entrada ao processo. E neste processo, a OCA tem nos ajudado muito, pois a celeridade do serviço para o cidadão, neste momento, é muito importante e nós como representantes do Estado, temos que oferecer à sociedade serviços com qualidade”, informou Sandro Roberto, diretor do Instituto de Identificação.

“Essa ideia de buscar atender ao cidadão, fornecendo em tempo hábil a Carteira de Identidade para que este esteja possibilitado a casar na Expoacre, é possível graças a integração que existe em um sistema como as Centrais: procuramos analisar a necessidade de um órgão por meio de parceria com uma outra instituição dentro da Central para atender essas necessidades. Se estas instituições não estivessem juntas na OCA, seria mais difícil a sensibilização para este tipo de projeto. Então, este é mais um serviço público que beneficia a população do Acre”, relatou Sídia Gomes, diretora da OCA.

Segundo a supervisora do Instituto de Identificação na OCA, Denisia Correia, só nesta semana foram expedidas mais de 100 Carteiras de Identidade.

“Quando soube que iria ter a minha Carteira de Identidade no mesmo dia fiquei, muito feliz, pois, graças a isso, vou casar com o meu companheiro. Agradeço muito ao governo do estado por colocar pessoas que nos ajudam, porque se não fosse os servidores da OCA eu não iria casar este ano”, disse Raimunda Nonata, 28, empregada doméstica.

“Eu e minha namorada resolvemos casar no Projeto Cidadão, porque não iremos pagar nada. Só que para isso tivemos que vir até a OCA para retirar a nossa Carteira de Identidade, pois a minha está vencida e a minha namorada, como é ‘de menor’, irá tirar a primeira via do documento.

Pensamos até que não iria dar tempo de casarmos, porque meus pais falaram que para ter o documento em mãos iria demorar muito, mas, quando tivemos a notícia que já teríamos a Carteira, ficamos muito satisfeitos. Fomos bem recebidos pelos atendentes da OCA que, sem demora, nos encaminharam ao Instituto de Identificação”, ressaltou Danilo Barbosa de Oliveira, 20 anos.

O Instituto de Identificação e a OCA têm se destacado por atender as necessidades da população do Acre, sempre que ocorrem eventos desta natureza. O compromisso com o cidadão é o principal motivo que leva estas instituições a buscar a excelência no atendimento ao público. (Agência Acre)

Assuntos desta notícia


Join the Conversation