Pose

Os jovens atores de “Rebelde”, Carla Diaz e Bernardo Falcone posam para foto no Recnov, complexo de teledramaturgia da Record.
Canal_1_rebelde
Na história, eles vivem Márcia e Téo, e fazem um casal “nerd” bastante companheiro.

Dentro da novela, namorados. Fora de cena, grandes amigos.

Ninguém sabe quando termina a novela do SBT

Enquanto no SBT se garante que “Amor e Revolução” termina nos primeiros dias de novembro, o autor Tiago Santiago aposta na possibilidade da novela continuar até dezembro. Material, segundo ele, tem de sobra. O que mais chama atenção, no entanto, é esse jeito de o SBT produzir as suas coisas.

O planejamento, como se observa, é nenhum. Desde de muito tempo se estabeleceu que as gravações devem terminar em agosto, quando também vencem os contratos de todos os atores. E agosto começa amanhã. Não há como passar disso. Evidente que existe a possibilidade de se transformar dois capítulos em três e ganhar mais este tempo no ar, mas isso não seria o mais lógico ou correto. Revela desorganização.

Por outro lado, o que também se informa no SBT, os cortes no texto antes das gravações se tornaram uma prática comum e ninguém mais se surpreende com eles.

Como justificativa, os capítulos muito longos. Grandes demais para o espaço de arte disponível. E, coincidentemente, só as cenas de sexo e violência estão caindo fora.

TV Tudo

Balanço especial
A próxima edição do “Balanço Geral nos Bairros”, com Geraldo Luiz, vai acontecer no dia 27 de agosto.

Resta apenas a Record definir o local. A ideia é sempre contar com a participação de um grande nome da casa. O primeiro, no dia 23, teve a participação de Rodrigo Faro.

Programação
Em setembro, a Globo vai realizar novas edições do “Brazilian Day”.

No dia 3, Ana Maria Braga será a grande atração do evento, no Japão. No dia 4, Serginho Groisman, Exaltasamba e Luan Santana comandam a festa, em Nova York. E dia 5, no Canadá, novamente Serginho Groisman e o pessoal do Exalta.

Coisas assim…
Quando não é o primeiro, o inglês é usado como a segunda língua em muitos países. Estamos todos de acordo quanto a isso. Mas por que “Brazilian Day”? E por que “Rock in Rio”?

Mais difícil de explicar ainda é o “Rock in Rio” em Lisboa.

Vivendo de quê?
Pedro, personagem do Eriberto Leão, já de muitos capítulos de “Insensato Coração”, não trabalha. Passou algum tempo preso, antes de bancar o detetive e tentar provar a sua inocência. Mas ocupação mesmo, nenhuma.

Agora, pelo menos, arrumou o emprego de marido.

No ar
A Globo começa a intensificar as chamadas do “Criança Esperança”, colocando em destaque o programa especial do próximo dia 20.
As doações já podem ser feitas pelo telefone.

Mau negócio
A Record vai tentar fazer a diferença com a “Fazenda”, nas edições dos sábados, domingos e segundas-feiras. Estes são os dias, feitos os estudos das últimas audiências, onde será possível tirar alguma coisa a mais da Globo.

No confronto direto com “O Astro”, segundo os relatórios até agora apresentados, isso está sendo impossível.

Novo canal
Sobre o Fox Sports, em vias de se instalar no Brasil, fora dos Estados Unidos, todo este trabalho é executado por empresas terceirizadas. Aqui também será assim.

Se tudo correr como se espera, o início das suas operações pode acontecer em meados do ano que vem.

Primeira festa
Dando início às comemorações do seu aniversário de 30 anos, o SBT vai oferecer um almoço à imprensa. Os convites começam a ser distribuídos nesta segunda-feira.

Será no dia 9 no hotel Unique, em São Paulo.

Trabalho mais leve
Daniel Filho vai continuar a serviço de “O Astro”, mesmo após a morte de Salomão Hayalla na história. Não com a mesma intensidade, mas vai. O autor Alcides Nogueira esclarece:

“O assassinato não será a última cena do Daniel, pois o fantasma de Salomão irá aparecer algumas vezes para Márcio (Thiago Fragoso), como no original de Janete Clair, mas modificado pelas novas implicações da situação”.

Compasso de espera
As mudanças no setor de programação da Record, embora cogitadas e ainda nos planos, só não foram colocadas em prática porque não existe até agora alguém para substituir Carlos César Filho, o Césinha, na direção do “Legendários”.

Depois da sua entrada e do bom entrosamento com Marcos Mion, o programa acertou o passo.

Bastidor
Juliana Knust começou a gravar “Fina Estampa”, novela de Aguinaldo Silva, substituta de “Insensato Coração”. Na foto, ela se prepara para entrar em cena, caracterizada como Zuleika.

A personagem trabalha como copeira na Fashion Motos, oficina de Juan Guilherme (Carlos Casagrande).

De origem humilde, ela não medirá esforços para alcançar seus objetivos.

Bate – Rebate

•       Jacqueline Dalabona, no papel de Iara, vai mesmo até o final desta temporada de “Malhação”.

•       Alguns setores do SBT continuam inconformados com isso. Mas, com direito a uma sala só dele, Alexandre Frota dá expediente na emissora, como diretor de novos projetos.

•       Na Record, alguns de seus diretores criticam a longa duração de determinados programas.

•       Produtos estes cansativos, segundo eles, e que impedem a realização de outros.

•       Outra crítica: a Record tem valorizado muito os formatos de produtoras internacionais, deixando de lado projetos elaborados por seus profissionais. Falta, portanto, um melhor equilíbrio e também doses de ousadia.

•       Alexandre Porpetone, tanto na rádio Transamérica como em “A Praça é Nossa”, se destaca por seu trabalho. Está em grande fase.

•       Ricardo Tozzi comemora o bom momento, como o atrapalhado Douglas de “Insensato Coração”.

•       Reflexo disso, Ricardo tem recebido muitos convites para trabalhos no teatro e eventos pelo país.

•       O Teatro Imprensa, em São Paulo, encerra hoje suas atividades.

•       Uma consequência direta dos problemas financeiros enfrentados pelo Grupo Silvio Santos, a partir da descoberta do rombo bilionário.

•       Filha mais velha do dono do SBT, Cintia Abravanel, tempos atrás, abriu mão de um cargo executivo, para dirigir o Teatro Imprensa, pertencente ao grupo.

•       Com o desafio, conquistou prêmios e o reconhecimento da classe artística. Cintia, não chega a ser novidade, está inconsolável. Se pudesse, falaria muito…

C’est fini
O personagem de Fábio Assunção, na série “Tapas & Beijos”, da Globo, começa a ser discutido pela equipe do programa.

Ainda não tem nome, profissão, classe social ou vínculo com os demais personagens.

Cláudio Paiva, autor, e Maurício Faria, diretor, prometem definir todos os detalhes nos próximos dias.

Então é isso. Mas amanhã tem mais. Tchau!

Assuntos desta notícia


Join the Conversation