Política local 03/08/2011

44Coluna-Nelson

“Primeiro eles te ignoram, depois riem de você, depois brigam, e então você vence”.

Mahatma Gandhi

É pra valer
Apresidente do PV acreano, Shirley Torres, garante que a candidatura a prefeito de Rio Branco do deputado federal Henrique Afonso (PV-AC) é do vera. Ela inclusive já avisou que se o PT não levar a sério a proposta dos verdes para uma apreciação dentro da FPA o partido poderá marchar sozinho em 2012.

Racha
Shirley já anunciou que o PV poderá buscar outros partidos da FPA para viabilizar o palanque de Henrique Afonso na Capital. A verde não esconde a sua insatisfação com a maneira que o PT costuma conduzir esses processos eleitorais.

Estranho
O nome de Henrique Afonso era tido como certo para postular a vaga de prefeito de Cruzeiro do Sul, em 2012. Ele nunca escondeu o sonho de governar a sua cidade natal. A mudança teria sido um desígnio divino?

Recordação
Em 2004, Henrique Afonso foi candidato a prefeito de Cruzeiro do Sul e enfrentou a ex-deputada Zila Bezerra (PTB). Apesar de ter perdido a eleição, Henrique honrou a maioria dos seus compromissos eleitorais através da sua atuação na Câmara dos Deputados.

Em nome de Deus
Ficou evidente que no seu segundo mandato Henrique Afonso privilegiou muito mais as coisas do Céu do que da Terra. Mas não subestimem a capacidade eleitoral do pastor-deputado.

Divisão
A falta de um nome de consenso para encabeçar a chapa majoritária da FPA, em Rio Branco, poderá gerar uma série de futuros problemas políticos. Muitos partidos querendo rasgar o travesseiro de penas. Juntar as penas para 2014 será um trabalho árduo.

Titanic
Um comentário de uma amiga jornalista sobre a eleição de 2012 em Rio Branco: “tem gente na oposição pensando da mesma maneira quando lançaram o Titanic ao mar: nem Deus afunda”.

Cuidado
O perigo é a FPA lançar vá-rios candidatos na Capital e a oposição se unir em torno de um único nome. Claro que nenhuma coisa e nem outra são simples. Mas na política tudo é possível.

Aquecimento
O deputado Jonas Lima (PT) desfiou um rosário de elogios na Aleac à gestão do prefeito de Rodrigues Alves, Burica (PT). Tudo sob os olhares atentos da deputada Maria Antonia (PP) sua adversária política.

Disputa quente
Maria Antonia é a esposa do ex-prefeito Dêda Amorim (PP) que deverá ser candidato em Rodrigues Alves. Por enquanto, se fosse loteria esportiva eu cravaria um empate.

Chuva de pretendentes
A sucessão da prefeita Leila Galvão (PT) de Brasiléia também não será fácil. Idésio Frank, Marleuda Vieira, Alvanir Lopes e os vereadores Joãozinho do PT e Erizete Moraes, todos do PT, querem a vaga.

Das cinzas
Mas o samba dos petistas da fronteira poderá ser atravessado pelas pretensões do ex-deputado Delorgem Campos (PSB). Ele planeja a candidatura majoritária com o PT de coadjuvante. Será?

Oposição
Ainda em Brasiléia o PSD deve lançar Clécio Gadelha, filho da ex-prefeita Olinda Gadelha. O vereador Everaldo Gomes (PMDB) disputará a cabeça de chapa peemedebista com os irmãos Ribeiro.  

Falando grosso
O deputado Luiz Tchê (PDT) chamou a atenção publicamente, na Aleac, da secretária da Mulher, Concita Maia. Ele não aceitou as pretensas ordens da secretária.

Valores
Cada macaco no seu galho. É preciso que os secretários entendam que são empregados da gestão pública. Deputados, vereadores e senadores foram eleitos pelo voto direto e representam a população.

Telefone sem fio
Quando um secretário ou assessor não atende a população está comprometendo o gestor. Infelizmente, apesar do esforço do governador Tião Viana (PT), ainda temos esse problema.

Realidade
Não haverá mais eleições fáceis no Acre. Quanto mais benefício recebe a população, mais exigente fica. A evolução é natural para todas as partes. 

Dentista
Um dos nomes a ser apreciado pela FPA de Senador Guiomard é do dentista André Maia (PT). Ele teve uma boa votação para deputado estadual.           

Mineirice
O deputado Hélder Paiva (PR) era o candidato indicado inicialmente para a presidência da Aleac. Mas preferiu assumir compromissos com a sua igreja. Agora, conversa numa boa com os jornalistas, mas não quer saber de entrevistas e promoção. Às vezes o silêncio é mais ruidoso do que o coro de vozes. 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation