Política local 31/08/2011

Carta apócrifa
A prefeita de Tarauacá, Marilete Vitorino (DEM), disse ontem à coluna ser apócrifa a “Carta”, publicada em um blog, em que pede desculpa por ter tramado a queda do ex-prefeito Wando Torquato, de ter “traído” também uma série de amigos, fraudado a vontade do testamento do pai falecido e de não ser boa gestora, segundo ela, um golpe de adversários para lhe queimar.

Comentário geral
Pelo visto a prefeita Marilete está mal assessorada, deveria ter desmentido rápido a autoria da referida carta, usando todos os meios de comunicação, mas só o fez agora porque lhe liguei.

Muito estranho
Se tivesse de fato sido a autora do documento seria o mesmo que se enterrar politicamente.

Cada segundo
Tarauacá respira política a cada segundo, os grupos políticos se engalfinham, se agridem, e geram notícia, na base do pau para lamber sabão e pau para saber que sabão não se lambe.

Voto secreto
O deputado Walter Prado (PDT) entra hoje com um projeto que restabelece o “voto secreto” para a escolha do presidente da Aleac, única forma que vê de evitar a ingerência do Executivo.

Só pelos deputados
O projeto, simpático a boa parte dos deputados, restringe o “voto secreto” a esta situação.

Opinião isenta
Não tenho relação política com o deputado Ney Amorim (PT). Se ele ganharia, isso é lá com o eleitor, mas é o nome do PT à PMRB que detém melhor perfil para crescer numa campanha.

É o que vejo
Mais de 35 anos de jornalismo político me permite ter um faro apurado nesta questão. Sibá Machado congregaria apenas o petismo de raiz, Marcos Alexandre e Daniel Zen é brincadeira.

Outros tempos
Foi-se o tempo do PT eleger um poste, por isso é perigoso apostar num nome técnico à PMRB.

Algo está errado
Os programas de cirurgias de cataratas e o de ruas pavimentadas a tijolo são de alto alcance social. Mas não estão sendo reconhecidos pela população, é o que apontou a última pesquisa.

Faltou capitalizar
O governador Tião Viana tem sido um gerador de fatos e notícias, não fica no gabinete. E se o seu belo trabalho na Saúde não é reconhecido só se chega a um porto: seu marketing é falho.

História da pata
A pata coloca um ovo maior que o da galinha e fica calada, a galinha põe um ovo menor, cacareja e leva a fama. O sistema de Saúde melhorou sim, mas isso não foi capitalizado.

Opiniões da galera
Comentário ouvido ontem após a longa defesa do governo feita pelo deputado Luiz Tchê (PDT): “deu chuva forte no seu roçado”.

Nem chuva de manga
Comentário da galera sobre o discurso com críticas do deputado Eber Machado (PSDC) ao Detran: “no roçado dele nem serenou, nem uma chuvinha de manga”.

Com justa razão
Deixando as opiniões dos freqüentadores das galerias de lado, foi justa a crítica do deputado Eber pelo fato do Detran fazer mudanças no trânsito para pior e sem ouvir ninguém.

Muita boca
Elson Farias (PCdoB), Turia-no Filho (PSDB), Nágila Figueiredo (PT) e Esperidião Junior (PMDB) são os candidatos a prefeito do Jordão, campeão de IDH negativo. Muita boca e pouco pirão.

Quebrar o tabu
O velho Chico Sombra, após várias derrotas políticas, tentará de novo a prefeitura de Tarauacá, querendo provar que é certo o ditado: “quem foi Rei, sempre será majestade”.

Homem de preto
O deputado Geraldo Pereira (PT) chegou ontem na Aleac todo de terno preto e óculos escuros enormes dos entregues pelo governo aos que fizeram cirurgias de visão, gerando comentários.

Explicação antecipada
Antes que alguém da oposição criticasse o deputado ter aproveitado de um programa emergencial do governo para os carentes, explicou que a sua cirurgia será ressarcida.

A oposição agradece
Os fiscais do ICMBio estão multando até macacos na zona rural dos municípios acreanos, do que os políticos de oposição pedem bis, pela forte bandeira ganha para a eleição municipal.

Continua favorito
Mesmo com a família Hassem rachada, André Hassem é o favorito a prefeito de Epitaciolândia.

Só no protesto
Dia 15 tem Audiência Pública na Aleac pela baixa da tarifa de energia, luta justa mas perdida.

Não iria
Em tempo de crise financeira, antecipei aqui, o governo não iria baixar o ICMs e perder receita.

Sucessão municipal
Não se fala em outra coisa nas rodas políticas da Aleac, a não ser na escolha do nome do PT, o único não definido para disputar a PMRB. Fora o deputado Geraldo Pereira (PT), com uma queda pelo deputado Sibá Machado (PT), os demais da FPA torcem para  Ney Amorim (PT).

 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation