Angelim autoriza reforma na Praça Oscar Passos

O prefeito Raimundo Angelim assinou nesta quarta-feira, 10, ordem de serviço para reforma da Praça Oscar Passos, no Centro de Rio Branco.
Praa_Oscar_Passos
Em cerimônia realizada na sala de reuniões do Gabinete do Prefeito, Angelim reuniu comerciantes e taxistas que utilizam a praça, lideranças comunitárias, secretários municipais  e a diretoria da União das Associações dos Moradores de Rio  Branco (Umarb).

O valor da reforma é de R$61,9 mil em recursos próprios do Tesouro Municipal. As obras atingirão 1.655,46 metros quadrados e estarão concluídas em 60 dias a contar da próxima segunda-feira, 15.

Serão realizados serviços de recuperação do mobiliário urbano, bancos e lixeiras; revisão geral da iluminação e instalação de novos pontos de iluminação estratégicos;  recuperação dos canteiros e do paisagismo; recuperação e pintura geral do piso; recuperação do abrigo de ônibus e construção de uma nova parada para os taxistas. “A gente administra Rio Branco com olhar de família”, disse o prefeito ao ressaltar a qualidade que a Prefeitura exige em seus projetos.

Para não prejudicar a livre movimentação de pessoas na praça, a construtora não usará tapume apenas cercará o espaço em obras. A iluminação será feita com refletores  para destacar determinadas árvores porém o paisagismo como um todo será ressaltado no novo projeto.

O nome da praça presta homenagem a um famoso político do Acre. Oscar Passos foi um militar que viveu em Rio Branco,  onde se elegeu e exerceu  três mandatos de deputado federal e um de senador. Oscar Passos figura na história política do país por ter sido o primeiro presidente nacional do Movimento Democrático Brasileiro, partido de oposição ao regime militar de 1964.

Para o presidente do Sindicato dos Taxistas de Rio Branco, Telnízio Bonfim, a obra atende a uma antiga aspiração não apenas de sua classe como da população em geral. “Há muito esperávamos por um trabalho que melhorasse as condições da praça. Ficamos muito felizes e agradecidos por isto”, disse Bonfim. (Ascom PMRB)

Assuntos desta notícia


Join the Conversation