CGU vai fiscalizar contas públicas de 60 cidades em 23 Estados

O Diário Oficial da União publicou, nesta quinta-feira, as 60 cidades cujas contas públicas serão fiscalizadas pela Controladoria-Geral da União (CGU). Os municípios, de 23 Estados, foram escolhidos por sorteio no início do mês. A fiscalização faz parte de um programa criado em 2003 pela CGU, que tem o intuito de inibir a “corrupção entre gestores de qualquer esfera da administração pública”.

A maior cidade a ser fiscalizada é Quirapá, com 314 mil habitantes, no Paraná. O menor município é Reserva de Cabaçal, com população de 2.572 pessoas, no Mato Grosso. Além dos dois Estados, também serão fiscalizadas cidades em Alagoas, Espírito Santo, Sergipe, Acre, Paraíba, Bahia, Mato Grosso do Sul, São Paulo, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Rio Grande do Norte, Rio de Janeiro, Ceará, Pernambuco, Maranhão, Piauí, Goiás, Santa Catarina, Pará, Tocantins e Amazonas.

De acordo com balanço da CGU, já foram fiscalizados 1.811 municípios, o que corresponde a 32,55% do total do País, e foram analisadas contas relativas a cerca de R$ 13,8 bilhões. Os relatórios das fiscalizações são encaminhados aos gestores das políticas públicas que, segundo a CGU, vão definir as providências para a correção de eventuais desvios verificados. (Terra Brasil)

Assuntos desta notícia


Join the Conversation