Dia do Estudante é celebrado com o tema “A floresta em mim”

Esta semana, oito estudantes do Rio de Janeiro, Minas Gerais e Pernambuco vão conhecer de perto a Floresta Amazônica e o cotidiano de estudantes e professores que vivem em comunidades ribeirinhas do Acre e de Manaus. Essa aula ao ar livre sobre preservação do meio ambiente fará parte de uma série de atividades pedagógicas promovidas pela Fundação Roberto Marinho e pelo Canal Futura com os alunos do Telecurso para comemorar o Dia do Estudante, hoje, dia 11.

Para a gerente geral de Educação da Fundação Roberto Marinho, Vilma Guimarães, a comemoração tem o objetivo de valorizar os estudantes e colocar a data no calendário nacional. “Muita gente não sabe que o Dia do Estudante existe e é no dia 11 de agosto, inclusive muitos educadores. Nós queremos ressignificar essa data e mostrar que esses estudantes, que serão nossos futuros artistas, governantes, intelectuais, precisam ser vistos como sujeitos da história do nosso país, do nosso planeta”.

O tema “A floresta em mim” teve como inspiração o Ano Internacional das Florestas, declarado pela ONU em 2011. Atualmente, o Telecurso tem 17.130 estudantes somente na Região Amazônica. Mas, a idéia é que os estudantes das outras re-giões reflitam sobre a responsabilidade de cada um sobre a preservação de nossas matas.

Durante toda a semana, alunos do Rio, Minas, Pernambuco, Acre, Manaus e também do Mato Grosso do Sul participarão de atividades pedagógicas sobre o tema, que culminarão com uma grande festa no dia 11, na qual serão realizadas atividades culturais, artísticas e de educação ambiental. Neste dia, o Jornal Futura, que vai ao ar a partir das 17h no Canal Futura, fará uma edição especial sobre o Dia do Estudante e terá links ao vivo em cada uma dessas escolas. No mesmo dia, o programa Conexão Futura, na faixa das 14h às 17h, entrevistará especialistas sobre o tema educação ambiental nas escolas.

Para o Acre, viajaram as alunas mineiras Karine Alves Pereira, de 15 anos, e Arlinda Alves Pereira, de 16 anos. Ontem, elas conheceram o Parque Chico Mendes e ouviram a história da Lenda do Mapinguari com o grupo da Biblioteca Pública de Rio Branco. Os estudantes do Rio de Janeiro, Monica Santos da Conceição, de 16 anos, e Gabriel Alves da Silva, de 15 anos, embarcaram ontem para o Acre. Ontem, eles foram para Xapuri, junto com as colegas de Minas, onde conhecerão a Casa de Chico Mendes. Todos os alunos estão viajando acompanhados de professores ou supervisores de suas escolas. (Assessoria)

 

 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation