Inovação: Sesi investe no fator humano da Eletrobras

Reduzir os índices de adoecimento mental dos trabalhadores da Eletrobras – Distribuição Acre, garantindo uma melhor qualidade de vida e de seu ambiente de trabalho, é o principal objetivo do Projeto “Promoção e Proteção da Saúde Mental dos Trabalhadores da Indústria”, executado pelo Sesi/AC. A instituição inscreveu a iniciativa-piloto no Edital Senai Sesi de Inovação, escolhendo a antiga Eletroacre por ter apresentado, dentro da amostra de empresas pesquisadas, o maior índice de depressão com diagnóstico médico (6,4%), além de depressão e ansiedade (13.2%), entre seus colaboradores.

Na manhã de ontem, 9, a equipe do SesiSaúde, liderada pela psicóloga Luana Ugalde e pela gerente da Unidade de Saúde em exercício, Raquel Silva de Souza, apresentou a proposta de trabalho aos funcionários durante uma palestra no auditório da empresa. “Este é um projeto inovador também para a nossa instituição e agradeço à Eletrobras por aceitar ser nossa parceira. É importante o envolvimento de todos para conseguirmos alcançar os objetivos”, ressaltou Souza.

A gerente do setor de Gestão de Pessoas da Eletrobras, Maria de Lourdes Oliveira, e o assistente da diretoria Celso Mateus endossaram a importância da participação de todos para o sucesso da iniciativa. “Este é um projeto em grupo, que vai servir para reintegração daqueles servidores que apresentaram problemas de depressão e outros transtornos mentais, além de prevenir que outros venham a passar por isso também”, disse Mateus. (Ascom Fieac)

 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation