MP fecha casa de apoio a idosos e dependentes químicos

Uma ação conjunta do Ministério Público Estadual (MPE), Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (SEDS), Polícia Militar, Vigilância Sanitária Municipal e Conselho Estadual dos Direitos do Idoso (CEDI) resultou na interdição da casa de abrigo Resgatando Vida, localizada na BR 364, entre Rio Branco e Bujari. A entidade foi criada para atender dependentes químicos, mas também estava recebendo idosos e funcionava irregularmente.
Interditado
A inspeção realizada no final da manhã desta quarta-feira (16) foi motivada por denúncias de irregularidades, tendo em vista que a casa estava funcionando sem as mínimas condições de higiene e salubridade. Em março deste ano o Corpo de Bombeiros havia chegado à conclusão de que o local também não oferecia segurança para os internos, além de não estar de acordo com as normas sanitárias.

O relatório que lista os inúmeros problemas encontrados revela que a água usada para cozi-nhar era tirada de um açude e não passava por nenhum tipo de tratamento. Os quartos onde dormiam os internos, que dividiam o mesmo espaço com animais, eram sujos, assim como banheiros e outros cômodos da casa. Paredes com rachadura e fiação irregular colocavam em risco a vida das pessoas e o único extintor de incêndio que havia não estava funcionando. Remédios de tarja preta guardados em qualquer controle também fazem parte das muitas irregularidades.

O Promotor de Justiça Rogério Voltolini Muñoz, da Promotoria de Defesa da Cidadania, disse que a interdição foi feita pela Vigilância Sanitária e que os internos foram remanejados para outro local. “O MPE apenas foi verificar a condição do idoso e constatou irregularidades, o que motivou o pedido imediato de remanejamento dele para o Lar dos Vicentinos. Já o dependente químico foi transferido para outra entidade pela SEDS”, explicou.

Esta não é a primeira vez que o abrigo é interditado, e segundo informações da Vigilância Sanitária, a entidade só voltará a funcionar se cumprir as exigências de funcionamento. (Ascom MPE)

Interditado_2

Interditado_3

Interditado_4

 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation