Corpo de José Ronaldo, o pica-pau, é exumado por ordem da Justiça

Atendendo solicitação da delegada Wânia Lilia, da Delegacia da 3ª Regional, a Justiça determinou a exumação do corpo de José Ronaldo Silva e Silva, 21 Anos, “o Pica-pau” morto a golpes de faca e tiros.
Exumao
De acordo informações da delegada Wânia Lilia, responsável pelo inquérito que apura a morte de “Pica-pau”, o objetivo da exumação é esclarecer que tipo de arma de fogo foi usado no crime.

A delegada afirmou não existir dúvidas quanto à autoria do crime, mas falta esclarecer quantos tiros atingiram a vítima e de que arma saiu os disparos.

Para a delegada, o presidiário Mauricélio das Neves Coelho, 27 anos, “o Ori”, condenado a 21 anos de prisão por crime de roubo (assalto a mão armada), foi um dos autores do crime, ele teria agido na parceria de dois adolescentes.

Segundo informações da delegada Wânia, durante o exame cadavérico foi retirado apenas um fragmento de projétil, o que teria sido insuficiente para determinar de qual arma saiu.

Durante a exumação ainda no cemitério, o médico legista não conseguiu localizar nenhum projétil devido o excesso de líquido do corpo em decomposição.

Foi decidido então, o encaminhamento dos restos mortais para o laboratório do Instituto Médico Legal – IML, onde um exame detalhado foi realizado e com ajuda de equipamentos, foi retirado outro projétil, sendo que este oferece condições para exame balístico que vai dirimir as dúvidas sobre a arma usada no crime e o calibre do projétil.

Exumao_1

Exumao_2

Exumao_3

Exumao_4

Assuntos desta notícia


Join the Conversation