Quatro agentes da Pousada são presos acusados de tortura

 Quatro sócios educadores que plantavam serviço no Centro Sócio educativo Aquiry, onde abriga 86 adolescentes infratores foram presos na manhã desta quarta-feira, 31, por determinação do Juizado da Infância e da Juventude, sob acusação de agressão física e psicológica contra os menores internos daquela instituição.

socioeducativosp
 Segundo Beto Calixto,  presidente do Sindicato dos Agentes Sócio educadores a entidade já providenciou junto ao departamento jurídico pedido de Habeas Corpus para os agentes presos, que cumprem a ordem de prisão na Unidade 4, antiga Papudinha.

 Calixto explicou que os mandados de prisões foram decretados após o Juiz da Vara da Infância e da Adolescência ter recebido pedido do Promotor de Justiça daquela Vara, baseado em depoimentos dos menores internos que nos últimos dias realizaram pelo menos três rebeliões, sendo a última mantendo dois sócios educadores como reféns.

Assuntos desta notícia


Join the Conversation