Política nacional 24/09/2011

“Tenho que obedecê-la, não tenho que discutir”.

Sergio Gabrielli, presidente da Petrobras, que conhece bem o gênio de Dilma Dinamite.

Roriz na lista dos mais corruptos… e honestos
Pesquisa Mark/CH pediu a 1.026 eleitores que espontaneamente citassem o político que consideram o mais honesto, no DF, e também o mais corrupto. O senador Cristovam Buarque lidera as citações de honestos, com 5,5%, seguido do deputado Antônio Reguffe, também do PDT, com 3,4%. Em terceiro e quarto “mais honestos” aparecem os ex-governadores Joaquim Roriz (2,8%) e José Roberto Arruda (2,6%).

Os ‘mais corruptos’
Arruda lidera a lista dos mais corruptos (13,9%), seguido da deputada Jaqueline Roriz, do PMN (10,3%), e do pai dela, Joaquim, com 5,5%.

Confusão
Outra curiosidade: entre os “mais corruptos” aparece em 4º o deputado Reguffe, cuja honestidade o levou a bater recorde de votos em 2010.

Vai entender…
Agnelo Queiroz enfrenta o desgaste natural de um governante. Na lista dos mais honestos, ele está apenas  em 5º lugar, com 1,6%.

Corruptos on-line
A Procuradoria-geral de Justiça colocará na internet até o final do ano a lista de corruptos condenados em todo o país desde 2006. Na China.

Lewandowsky achou…
O senador Demóstenes Torres (DEM-GO) causou reboliço ao elogiar o ministro Marco Aurélio e criticar Ricardo Lewandowsky, do TSE, na decisão sobre o registro fraudulento PSD. Lewandowsky parecia advogado de defesa do novo partido, e o senador ironizou a cena do ministro “dançando na boquinha da garrafa e o Marco Aurélio se esforçando para segurar o Tchan”. Ele reconhece que se excedeu na alegoria, mas Lewandowsky, dizem os amigos, até achou engraçado.

Indignação
Demóstenes estava sob forte emoção, ao fazer a declaração a Josias Souza, da Folha. O DEM esperava que as fraudes liquidassem o PSD.

Infraero informa
O consórcio brasileiro Encalso, Engevix e Kallas ganhou a licitação de US$ 193 milhões para modernizar o aeroporto internacional de Manaus.

Prioridades
Faltam luvas nos hospitais em Macapá (AP), onde a Embrapa, do Ministério da Agricultura, gasta R$ 2,4 milhões com a Expofeira.

Cansou de traição
O deputado Átila Lins (AM) não atribui ao PMDB os 47 votos que teve para ministro do Tribunal de Contas da União, mas sim a amigos, especialmente de outros partidos. Sentindo-se traído, deve trocar o PMDB pelo PSD do governador do Amazonas, Omar Aziz.

Bem na foto
Membros da comissão da Fifa revelaram ontem que durante inspeções de locais para a Copa de 2014 sempre utilizam o Estádio Nacional Mané Garrincha, de Brasília, como referência de como se deve fazer.

Novos passos
Bomba nova para o ministro Paulo Passos (Transportes): explicar ao TCU a teimosia do DNIT em manter o contrato das obras no lote 2 da BR-265, em Minas, com superfaturamento de R$ 2,1 milhões, que a exonerada chefe de licitações, Nadja de Oliveira, não viu.

Perdeu
Lula fugia de livrarias como o diabo da cruz, no exterior. Dilma gosta de ler, mas, em Nova York, preferiu um restaurante francês e o Museu de Arte Contemporânea, em vez de uma das ótimas livrarias da cidade.

Amor febril
As câmeras de tevê da ONU mostraram: o chanceler Anto-nio Patriota levantou-se com frêmito para aplaudir Dilma de pé, quando ela invocou sua condição de mulher fazendo pe-la primeira vez à abertura.

Paraíso revisitado
A revista científica britânica Lancet derruba o mito da “felicidade brasileira”: suicídios, terceira causa de morte no país, subiram 29,5% em 25 anos. O Sudeste lidera, com 9,4 por 100 mil habitantes. A revista critica o fiasco do plano nacional de prevenção, criado em 2006.

É uma droga
O salário deve ser pouco e muita a falta do que fazer: o Ministério Público denunciou o vereador de Olinda Nova, Josilvado Freitas (PT-MA), por suposto tráfico de 2 quilos de cocaína, num carro velho.

Mundo pirata
A decisão da chinesa JAC Motors de suspender a instalação da fábrica no Brasil não irritou só os chineses. O governador Jaques Wagner (PT) estava crente que a fábrica no Brasil seria construída na Bahia.

Pensando bem…
…está rançosa a receita com Mantega.

PODER SEM PUDOR
Genoino, o ligeiro
Amigão do ex-ministro José Dirceu, o deputado distrital Chico Vigilante (DF) contou certa vez a Tarso Genro, que presidiu o partido no pós-mensalão, que o ex-deputado Vladimir Palmeira costuma brincar com a gestão de José Genoino no PT:
– Genoino foi tão rápido da extrema esquerda para a direita que não houve tempo de segurá-lo.

Assuntos desta notícia


Join the Conversation