Desempenho das escolas acreanas no Enem é tema de debates na Assembléia

O desempenho das escolas acreanas no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) foi tema de debate na sessão de ontem, na Aleac. Os parlamentares da oposição afirmaram que o resultado reflete a realidade da Educação acreana. Já os deputados da base de apoio ao governo, argumentaram que o Enem não serve como parâmetro para avaliar o setor.

Apresentando o resultado das escolas acreanas, principalmente das que fazem parte da rede pública, o deputado Wherles Rocha (PSDB) cobrou mais investimentos por parte do governo na Educação. “Precisamos sair dos números que não são reais para aquilo que é realidade. A melhor escola do Acre colocada foi uma da rede particular. Na região Norte temos um péssimo desempenho. Isso mostra que a Educação acrea-na vai muito mal e precisa de investimentos”, argumentou.

O líder do governo na Aleac, deputado Moisés Diniz (PCdoB) rebateu as críticas de Rocha e explicou que o Enem é uma avaliação opcio-nal feita somente por alguns alunos da rede pública.

Para Moisés Diniz, os investimentos feitos pelo Governo do Estado nos últimos anos, garantiram melhorias para todo setor, possibilitando melhores condições de trabalho para professores e demais servidores, além de melhorar a qualidade do ensino.

“O Enem de 2010 foi feito apenas por alguns alunos da rede pública. Não é um exame obrigatório. Não podemos esquecer é que nos últimos anos foram feitos muitos investimentos na Educação e que tivemos melhorias consideráveis. Melhoramos muito nesse setor e novos investimentos estão sendo feitos para que possamos avançar ainda mais”, disse.

 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation