Moradores do bairro Seis de Agosto vão a Aleac pedir apoio de deputados

Moradores do bairro Seis de Agosto foram até a Aleac na manhã de ontem para pedir apoio dos deputados estaduais. Eles foram recebidos pelos parlamentares e, hoje, se reúnem com o secretário de Desenvolvimento Social, Antônio Torres, para discutir a retirada das famílias que moram na região.
Eles moram em uma área de risco, aceitam ser retirados da região, mas temem prejuízos. Os moradores também não aceitam receber o ‘aluguel social’.
Seis-de-agosto
 “Queremos explicação sobre como será a retirada das famílias e para onde vão nos levar”, disse a moradora Zenira Leite de Lima, que há mais de 50 anos mora no local.

Os moradores pediram ainda a inclusão de algumas famílias no cadastro do governo para que recebam casas do programa “Minha Casa, Minha Vida”. A deputada Antônia Sales (PMDB), que presidiu a sessão de ontem, cobrou uma resposta do Governo do Estado.

“Esta Casa tem obrigação de ajudar essas famílias. Eles estão pedindo apenas uma casa para morar. Espero que o Governo do Estado tenha sensibilidade para ouvir e atender o apelo dessas pessoas”, disse.

Na manhã de hoje, representantes dos moradores e parlamentares se reúnem com o secretário de Desenvolvimento Social, Antônio Torres e com a secretária municipal de Assistência Social, Stefânia Pontes.

A intenção é que seja apresentada às famílias a forma como elas serão retiradas de suas casas e o local para onde serão levadas. “Temos a garantia que tudo será feito com muito diálogo e visando sempre uma melhor qualidade de vida para nossa população. Esse encontro será importante para esclarecer as dúvidas dos moradores”, disse Eduardo Farias. 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation