Casal assalta mototaxista e ameaça matar a vítima e atear fogo no corpo

O mototaxista Altevir da Rocha Lima, 43 anos, viveu momentos de terror no final da tarde de quarta-feira, 21, após ser abordado por uma mulher no centro da cidade que contratou uma corrida até a estrada do Quixadá.

mtaxifogo
Segundo informações do mototaxista, quando chegou a um determinado trecho da estrada do Quixadá a mulher mandou ele parar e quando ele recebia o capacete da passageira foi surpreendido com a aproximação de um homem armado de revólver que se juntou a mulher e anunciou o assalto.

A vítima contou que o homem portava uma garrafa de álcool e teria ameaçado matá-lo  e em seguida atear fogo no corpo para não deixar pistas para a polícia.

“Fiquei desesperado e me humilhei, implorando que o casal levasse a moto e tudo que quisessem, mas que me deixasse vivo. Até que consegui convencê-los, foi quando o casal subiu na minha motocicleta e foram embora.”, contou a vítima.

Segundo Altevir, após perceber que o casal de assaltantes já teria ido embora ele saiu correndo na estrada até que um homem que estava em uma motocicleta parou e ofereceu ajuda.

“Pedi o celular do rapaz e liguei para o CIOSP comunicando o assalto. Quando pensei que seria socorrido teve início momentos de agonia para mim. A atendente não queria ouvir meu relato e perguntava a minha idade, nome dos meus pais, quando eu tentava informar que os assaltantes estavam fugindo com a minha moto, documentos, dinheiro e o colete com a numeração da permissão” desabafou Altevir.
Policiais militares do 5º Batalhão conseguiram localizar a moto roubada abandonada em um matagal no bairro Jardim Eldorado.

 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation