“O mais importante é a nossa unidade”, afirma Ney Amorim

Os debates sobre o nome que vai disputar a sucessão do prefeito Raimundo Angelim pela Frente Popular (FPA) ganhou um novo capítulo, quando o deputado estadual Astério Moreira (PRP), usou a tribuna da Assembléia Legislativa (Aleac), na última terça-feira, 13, para fazer um apelo aos dirigentes do Partido dos Trabalhadores (PT).
Ney-amororim18
Ele pediu que o deputado Ney Amorim (PT) seja incluído nas discussões. Para Moreira, o colega parlamentar está preparado para a disputa e tem o apoio de vários partidos da Frente Popular. O apelo teve apoio de pelo menos outros 12 deputados.

Ney Amorim agradeceu o apoio dos colegas parlamentares e, com sensibilidade, defendeu a unidade da aliança. Ao ser indagado se vai cobrar um posicionamento da direção do seu partido, ele responde “que vai lutar pela unidade da Frente Popular”. 

Com 34 anos e no segundo mandato como o deputado estadual mais jovem da Aleac, Ney Amorim, que já foi líder do PT na Casa e agora ocupa a primeira-secretaria, tem se destacado por adotar uma postura firme em defesa do projeto da FPA.

Em entrevista ao jornal A GAZETA, ele fala sobre o processo para escolha do nome que vai disputar a Prefeitura de Rio Branco pela FPA, faz um balanço de sua gestão na Mesa Diretora da Aleac e fala sobre seus projetos para o futuro.

Disputa interna na Frente Popular
“Estou no PT desde os 16 anos. Sou muito grato ao meu partido. Logo no meu primeiro mandato fui líder do PT na Aleac. Agora, com apoio dos meus colegas parlamentares, estou ocupando a primeira-secretaria. Tenho muita gratidão ao partido e à Frente Popular. Por isso, me coloco como um soldado a serviço desse grande projeto”, assegurou.

Agradecendo as manifestações de apoio de colegas parlamentares, Ney Amorim destaca o papel importante do governador Tião Viana e do prefeito Raimundo Angelim, no processo de escolha do nome que vai disputar as eleições de 2012 pela Frente Popular.

Para Ney Amorim, a unidade da Frente Popular é um ‘patrimônio’ que precisa ser valorizado e a receita para o sucesso do projeto, que segundo ele, tem levado benefícios importantes para a população acreana nos últimos anos.

“Quero destacar o importante papel do nosso governador Tião Viana nesse processo. Junto com o prefeito Angelim ele tem sido fundamental para garantir a unidade da Frente Popular, que é a receita para o sucesso do nosso projeto. Não vejo nenhuma disputa interna, mas um debate democrático onde todos os partidos podem dialogar e opinar”, explicou.

Perpétua, Marcos Alexandre , Sibá e Zen
Ney Amorim faz questão de destacar as qualidades dos nomes que estão sendo discutidos dentro da Frente Popular. Segundo ele, aqueles que colocaram seus nomes para o debate tem legitimidade e estão preparados para a disputa.

“Temos bons e preparados nomes. Não se trata de uma disputa, mas de uma definição para que possamos escolher aquele que vai dar continuidade ao projeto da Frente Popular aqui em Rio Branco. Além desses nomes temos outras pessoas que também estão preparadas”, disse.

Ele garante que todo processo está sendo conduzido com tranquilidade e muita seriedade pelo governador Tião Viana e que a escolha será feita num clima democrático e de muito diálogo.

“Estamos vivendo um momento especial, pois vamos escolher alguém para dar continuidade ao projeto iniciado pelo prefeito Angelim e que trouxe uma transformação importante para nossa cidade”, ressaltou.

Projetos políticos para o futuro
Reafirmando sua lealdade e gratidão à Frente Popular e ao PT, Ney Amorim garante que vai participar ativamente das discussões para a escolha do nome que vai disputar as eleições de 2012 em Rio Branco e que está preparado para ajudar a aliança a conseguir mais uma vitória.

“Sou um soldado da Frente Popular. Um operário desse projeto que tem sido importante para nosso Estado. Estou à serviço da nossa população e do nosso governador Tião Viana. Serei um incansável para garantir a continuidade desse projeto que tem sido importante para o povo acreano”, afirmou.
Ney descarta qualquer possibilidade de racha na Frente Popular e garante que a aliança vai apresentar um único nome para a disputa, com apoio de todos os partidos e lideranças.

“Mais uma vez faremos uma campanha alegre e com projetos inovadores para nossa Capital. Estou à disposição do meu partido e da Frente Popular. O mais importante é a nossa unidade. Tenho um carinho e um amor grande por Rio Branco, por isso, estarei sempre lutando para que nossa população viva sempre melhor”, disse.

Mesa diretora da Aleac
Ao avaliar os trabalhos realizados pela Mesa Diretora da Aleac, Ney Amorim destaca a proximidade com os servidores e o empenho para garantir um debate democrático, respeitando a oposição.

“Junto com o presidente Élson Santiago, com o deputado Luiz Tchê, nosso segundo-secretário e com os outros colegas que fazem parte da Mesa Diretora, estamos atuando sempre para garantir um debate democrático, respeitando a oposição”, explicou.

Ele destaca ainda o trabalho de proximidade com os servidores, com a realização de capacitações e melhorias nas condições de trabalho. “A intenção é caminhar sempre ao lado daqueles que fazem o Poder Legislativo do Acre um órgão atuante e que atende às necessidades da população”, concluiu.

Assuntos desta notícia


Join the Conversation