GDF adia pra data-limite convocação dos aprovados em concursos

O Governo do Distrito Federal decidiu adiar para a data-limite do prazo de validade para convocação dos aprovados em nove concursos. A medida afetará as áreas de saúde, segurança pública, justiça, educação, trânsito, energia elétrica, saneamento e obras. A intenção do Palácio do Buriti é reduzir os gastos e ganhar alguma distância em relação ao teto para as despesas com pessoal fixada da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). O GDF avisou que vai prolongar ao máximo a data de validade daqueles concursos cujos editais permitem o adiamento do prazo final.

A LRF foi assunto recorrente no GDF ao longo de 2011. A situação não mudou muito desde o início deste ano. No Buriti, as contas vêm sendo feitas sempre no sentido de ajustar os gastos. Para se ter ideia, no fim de 2011 as despesas com a folha do funcionalismo chegou a 46,1% da receita corrente líquida, quando o limite máximo admitido pela legislação é de 46,55%. Se ultrapassar esse patamar, a administração pública fica impedida, por exemplo, de receber recursos federais e fazer financiamentos.  (Correio Web)

Assuntos desta notícia

Join the Conversation