Curso do Senac destaca turismo e hospitalidade

O curso de cozinheiro básico do Senac/AC, visando formar pessoas empreendedoras e preparadas para o mercado em expansão em todo o Brasil, preocupa-se em fazer que os seus alunos vivenciem experiências e prazeres para o crescimento pessoal e profissional.

Hoje se percebe a importância da visita técnica, como forma de rever os conceitos teórico-metodológicos e expressar o diálogo produzido em sala de aula. Com esse objetivo,o Senac realizou atividades que permitemvivenciar momentos importantes para a formação.

Na primeira atividade, os alunos fizeram um passeiono centro de Rio Branco e visitaram o Palácio Rio Branco, orientados por um guia turístico. Apesar de quase toda a turma ser natural do Acre, mais da metade nunca tinha visitadoo atrativo turístico da cidade. “Foi uma viagem ao passado”, disse a aluna Francisca Crispim.

Os alunos também tiveram a oportunidade de conhecer um dos mais relevantes estabelecimentos da área de alimentação e entretenimento da capital e de aprender com a vida da empresária Denise Borges, que além de psicóloga é líder empresarial de sucesso. “Quando fazemos porque gostamos, o sucesso é consequência”, afirmou Denise.

O curso de cozinheiro básico tem carga horária total de 400 horas. A atual turma ainda se encontra nas matérias iniciais (teóricas), com muitas expectativas para realizar as atividades práticas dentro da cozinha.

“Porém é de suma importância destacar que as atividades propostas neste momento pretendem formar um profissional que não seja apenas uma peça técnica de uma empresa, realizando apenas suas atribuições, mas sim um profissional diferenciado no mercado de trabalho, cheio de valores, conceitos e atitudes”, esclareceu o professor Sidney Tapajós. (Ascom Fecomercio)

Assuntos desta notícia

Join the Conversation