Gazetinhas 05/04/2012

* Parando tudo por conta do feriadão da Semana Santa.

* A propósito, quem não leu deveria ler a matéria da VEJA desta semana sobre o ‘santo sudário’.

* Aquele véu que cobriu o rosto de Jesus Cristo morto, depois da crucificação.

* Tudo a ver com as celebrações desses dias e com muitas dúvidas científicas e religiosas que ainda persistem.

* O telefone toca. É o governador Tião Viana animado com esse ‘pacote de obras’ no valor de R$ 1,2 bilhão a serem executadas este ano.

* R$ 4,7 bilhões até 2014.

* E o alfandegamento (que nome!) da ZPE.

* Segundo ele, não só Rio Branco será contemplada, mas os municípios do interior também.

* Cruzeiro do Sul deve receber 500 casas.

* Apesar ainda de algumas chuvas, o “verão amazônico” chegou mais cedo e tem que aproveitar para investir, trabalhar, produzir, gerar empregos.

* Da miséria é que não se pode esperar nada (Bertold Brecht).

* E chega de popó, pepé, pipi.

* O telefone toca de novo. É o dono de uma empresa que faz o ‘Ruas do Povo’.

* Segundo ele, é um bom programa, porque melhora a infraestrutura dos bairros, mas tem um pequeno/grande problema:

* mesmo que a medição seja feita a cada 30 dias, o Depasa está demorando até 60 para fazer o pagamento.

* Isso está gerando sérios problemas para as empresas, que têm compromissos com fornecedores e sobretudo com os trabalhadores.

* É preciso ver isso.

* Aliás, essa foi também uma reclamação que os empresários fizeram ao governador durante o lançamento do ‘pacote de obras’, na Fieac.

* Ele prometeu que a burocracia será atropelada, sem prejuízo do rigor nas contas.

* Na política local, nada de novo.

* Só um surto de baixaria na sessão de ontem da Assembléia Legislativa ainda por causa daquele ‘jogo da solidariedade’.

* O que poucos sabem por aqui é que o senador Demóstenes Torres – este que está em todas as manchetes – foi um dos que ajudaram a ‘melar’, no Senado, a aprovação do referendo sobre o fuso horário do Acre.

* Sério.

* Interessante: lendo tudo sobre Demóstenes, fica-se sabendo que seu homônimo grego, tido como um dos maiores oradores da história, também era um opositor ferrenho da corrupção.

* Foi desmoralizado, depois, em um escândalo de suborno com um ‘Carlinhos Cachoeira’ de Atenas.

* O que não significa complacência com a corrupção nem com o farisaísmo, evidentemente.

* Desafiado por Sucuri do Macauã para as próximas lutas do ‘UFC dos Anões’ em Sena Madureira, Jack Montana, todo metido e exibido no ‘jogo da solidariedade’, caiu fora.

* Disse que só vai com o Popó.

* Frouxo.

Assuntos desta notícia

Join the Conversation