Política Local 03/04/12

“O melhor movimento feminino ainda é o dos quadris”.
                           (Millôr Fernandes, escritor)

Márcio é o nome
Fonte privilegiada do PCdoB me garantiu ontem que a decisão está tomada no partido quanto à indicação do vice do  candidato a prefeito, Marcus Alexandre (PT). É o ex-vereador Marcio Batista (PCdoB). O argumento principal da escolha é que a chapa precisa de sangue político.

Derrota inesperada
Márcio vem de uma derrota inesperada quando disputou a reeleição que era tida como certa.

Papo engabelador
Os deputados Márcio Bittar (PSDB) e Wherles Rocha (PSDB) usam da simulação política. Pregam a unidade das oposições no interior e por baixo dos panos incentivam candidaturas tucanas.

Dois exemplos
Foi assim em Brasiléia, com a candidatura do professor Ermerson (PSDB), e em Manoel Urbano, com Raimundo Justino (PSDB), aonde promoveram festas de lançamento.

Tombo certo
Por isso, os demais partidos de oposição vejam a proposta de unidade só como mera retórica.

Chupim político
O dirigente do PMDB, Armando Dantas, compara os dirigentes do PP ao chupim, famosa  ave aproveitadora: “Não tem ninho próprio e quer colocar seus ovos em ninhos alheios”, cutuca.

Alusão ao Juruá
Foi uma alusão do Armando ao PP querer indicar o vice do prefeito Wagner Sales (PMDB).

Nome ideal
O PMDB sonha com uma coligação na qual o DEM indicaria a pastora Sandra Asfury (DEM), muito bem conceituada no meio evangélico, para vice na chapa de Fernando Melo (PMDB).

Papagaio traíra
Chega e-mail irônico de Plácido de Castro: “na nova pesquisa feita ontem na casa do candidato a prefeito, Motinha (PP), dos dez pesquisados, teve dois votos, até o papagaio votou contra”.

Panela nele
Se fosse eu o Motinha metia esse papagaio na panela de pressão e fazia ao molho pardo.

Mal passado
No PMDB querem comer o fígado do ex-deputado José Bestene (PP) mal passado.

O articulador
Bestene é apontado como o articulador para tirar o PP de uma aliança com o PMDB e se aliar aos tucanos em troca da indicação do sobrinho Alisson Bestene (PP) na chapa como vice.

Passo de jaboti
O prefeito de Senador Guiomard, James Gomes, não é essa coca-cola como gestor, sua sorte é que seus adversários, Tião da Emater (PMDB) e André Maia (PT) são devagar, quase parando.

Caminho aberto
Com adversários desse naipe, James fica com o caminho livre para a reeleição.

Não perde nada
Os moradores de Porto Walter não perdem nada se o prefeito Burica (PT) não puder disputar a reeleição, por ele estar no “ficha suja” do TCE:, sua administração é fraquinha de dar dó.

Apanhar o que não apanhou
Reunião de dirigentes da oposição neste fim de semana deliberou por usar os vereadores para bater no prefeito Angelim, como nunca ele apanhou. A oposição ganhou maioria na Câmara.

Esse é o problema
O problema é que os novos vereadores da oposição até ontem elogiavam o Angelim.

Única chance
Essa foi a opinião ouvida ontem de um dos que falam grosso na FPA: “se o Tião Viana não conseguir colar sua imagem positiva no Marcus Alexandre, sua derrota à PMRB é provável”.

Tempo exíguo
Na sua avaliação o tempo é exíguo para o Marcus Alexandre ter seu próprio perfil.

Tempo para saúde
O deputado Moisés Diniz (PCdoB) entra hoje na Aleac com pedido de licença por 30 dias.

É com o TRE
Perseguidos no PRP, sendo obrigados a ir para a oposição sob pena de perderam legenda para a reeleição, os deputados Lira Morais (PRP) e Astério Moreira (PPP) entram hoje no TRE/AC.

Liberação
Querem a liberação do tribunal para deixar o PRP sem sanções jurídicas.

Perda de tempo
Com as entrevistas do governador Tião Viana garantindo nunca ter se recusado a receber os donativos do “jogo da solidariedade” (quem trabalhou duro ajudando os alagados ia fechar a porta para mais ajuda?) e com os recursos do jogo já distribuídos pelo senador Sérgio Petecão (PSD) a órgãos assistenciais, encerra-se o ciclo do debate. Em minha opinião só chegou aonde chegou por açodamento de auxiliares de ambos. Amanhã já não se fala mais nisso. E fim.

Assuntos desta notícia

Join the Conversation