Política Nacional 04/04/12

“Diante do prejulgamento do partido,
comunico minha desfiliação”.
Senador Demóstenes Torres (GO), ao comunicar
sua desfiliação ao Democratas (DEM).

Até médico ‘surtou’ com os desaforos de Dilma
Ministros, presidentes de estatais, governadores: ninguém escapa da fúria da presidenta, nem mesmo quem cuida do bem mais precioso – a saúde. Cansado das humilhações diante de assessores, um médico que acompanha Dilma teve um esgotamento nervoso e pediu “baixa” do cargo na Presidência. Militar, ele também teria pedido baixa da Marinha, temendo “perseguição”, e não quer seu nome divulgado.

Luluzinhas
Ao contrário da era Lula, Dilma tem um staff feminino até no avião presidencial. Agora duas médicas a acompanham full time.

Quem manda
O ex-ministro José Dirceu e José Maria Marin (CBF) voltaram juntos de Paris, segunda, após um tour na Europa discutindo a Copa de 2014.

Em dúvida
A bancada do PMDB se reunirá esta semana para decidir se indicará o presidente do Conselho de Ética do Senado. PT, o ético, pediu a vaga.

Crises e crimes
Para o deputado Fábio Ramalho (PV-MG), há grande distância entre as duas Casas: “enquanto a Câmara tem crise, o Senado tem crime”.

DF: PT desafia Agnelo
Quem tem aliados petistas não precisa de inimigos. O presidente da Câmara Legislativa do DF, Cabo Patrício (PT), que há muito tenta colocar o governador Agnelo Queiroz (PT) de joelhos, convocou seu chefe de gabinete Cláudio Monteiro para “esclarecer” seu suposto envolvimento no caso Cachoeira. A intenção de Patrício não é esclarecer, mas, sim, constranger o governo no qual tenta mandar.

Baixaria
Na briga entre Cabo Patrício e Cláudio Monteiro tem outro ingrediente ainda menor: o primeiro é ligado à da PM e seu rival à Polícia Civil.

Cara boquinha
Patrício exige do governador aval à sua intenção de modificar a Lei para permitir sua reeleição à presidência da Câmara Legislativa do DF.

Pizza no DF
O deputado Benedito Domingos (PP) é reu 22 vezes, de corrupção a formação de quadrilha, mas a Câmara do DF decidiu não o processar.

Breve ‘rebeldia’
O PR não conseguiu ficar muito tempo longe do regaço do governo. Voltou à base, no Senado, pelas mãos do líder petebista Gim Argello (DF), no bloco PTB-PR. Tudo abençoado pela presidenta Dilma.

Descortesia
O líder do governo no Senado, Eduardo Braga (PMDB-AM) consolida entre colegas a fama de quem se acha. Dia desses, ele agendou visita à senadora Ana Amélia (PP-RS) e não apareceu. Nem deu satisfação.

Demorou
Antes do escândalo Cachoeira, o líder Renan Calheiros (AL) convidou Demóstenes Torres (GO) a se filiar ao PMDB, mas a resposta positiva somente ocorreu quando ele já estava sob tiroteio. Era tarde demais.

Quem comanda?
O coronel Sebastião Gouveia pode perder o comando da PM do DF sob a suspeita exatamente de não comandar a corporação. Em emails a jornais e emissoras de Brasília, líderes da “operação tartaruga” da PM celebram os 88 assassinatos em março, 14 só no fim de semana.

Saída para o Código…
Com a votação do novo Código Florestal marcada já para este mês, governo e ruralistas correm contra o tempo para remover o impasse sobre preservação ambiental às margens dos rios.

…tem acordo à vista
A proposta de definir faixa mínima e máxima de preservação em áreas consolidadas nas encostas, com Estado e União decidindo cada caso, é a saída para o Código Florestal, diz o relator Paulo Piau (PT-MG). 

Estamos aí
Relator da CPMI do mensalão, o deputado Osmar Serraglio (PMDB-PR) dirá “não”: certo de que será absolvido no Supremo, o deputado e pré-candidato João Paulo Cunha (PT-SP) convidou-o para gravar depoimento para sua campanha a prefeito de Osasco (SP).

Último a saber
O secretário do Meio Am-biente do DF, Eduardo Brandão (PV), não foi consultado sobre a escolha do novo diretor dos Serviços de Limpeza Urbana (SLU). “O SLU é igual a cunhado: é parente, mas não é família”, desabafou.

Pensando bem…
… agora temos o puxadinho tributário de Mantega.

PODER SEM PUDOR

Croquis voador
Estudantes de engenharia curitibanos, do Projeto Rondon, mudaram a face de João Câmara (RN). Reformaram o coreto, a praça, até construíram um chafariz. Deixaram saudades. Meses depois, o prefeito Chico Bomba recebeu um recado: os estudantes precisavam de um croquis das obras que ajudaram a rea-lizar, para um trabalho de conclusão de curso. O prefeito não entendeu direito, mas, solícito, foi aos Correios e ditou um telegrama:
– Impossível encontrar conquis, mas segue a melhor graúna da região.
Em Curitiba, estudantes perplexos receberam do prefeito um pássaro preto.

Claudio Humberto com Ana Paula Leitão e Teresa Barros
E-mail: [email protected]“>[email protected]
www.claudiohumberto.com.br

Assuntos desta notícia

Join the Conversation