Gazetinhas 03/05/2012

* Salve, salve, 3 de maio, Dia Mundial da Liberdade de Imprensa.

* Ver mensagem, na pág. 9, da ANJ (Associação Nacional dos Jornais), da qual esta GAZETA é filiada.

* Pergunta que mais se fazia nos últimos dias era como e onde se encontra o vereador Rodrigo Pinto, depois daquele surto horrível.

* Segundo informações extra-oficiais, ele já teria sido removido do Estado num jatinho para se submeter a tratamento.

* Como se divulgou, os fatos aconteceram, foram graves e como sua mãe, dona Fátima Almeida, declarou ele passa por uma fase difícil, enfrentando problemas familiares.

* Que receba, então, o devido tratamento e volte.

* Até porque, ainda há poucos dias, ele renunciou seu cargo de 1º secretário da Mesa Diretora da Câmara Municipal de Rio Branco para concorrer à reeleição.

* No mais, nada de novo na política local.

* Em tempo: chega a informação que o Rodrigo deixou a Pronto Clínica e ainda não viajou.

* Só a informação não confirmada que o deputado Henrique Afonso teria mesmo desistido da candidatura a prefeito de Cruzeiro do Sul.

* Moçada que vai dar o primeiro voto tem até o dia 9 para procurar o Cartório Eleitoral e tirar o título.

* O mesmo prazo vale para eleitores com problemas de transferência, multas a pagar e outras pendências.

* Na política nacional, a cada dia que passa, Carlinhos Cachoeira não pára de surpreender.

* A última, como se viu, é que ele pretendia comprar (!) até um partido político, o PRP.

* A coluna Painel, da Folha de S. Paulo, do último domingo, informa que nas gravações que a Polícia Federal ainda está periciando há mais coisas cabeludas:

* “farto material sobre a vida privada de autoridades nacionais e de vários Estados, com tramas que envolvem adultério, festas e outros temperos picantes”.

* Shiiii!

* Quem aproveitou o feriadão para ir a Cobija, voltou contando que está tudo normal por lá.

* Só a Halley que fechou mesmo.

* Em tempo: até agora o Governo boliviano não se manifestou sobre a selvageria cometida por soldados contra os colonos assentados na divisa com Capixaba.

* O telefone toca. São de novo produtores rurais da Apolônio Sales reclamando que a estrada está quase “apartando” de tantos buracos.

* Recentemente, a prefeitura andou tapando os buracos com barro, o barro virou lama e até ônibus atolou nesses dias.

* Agora, com a chegada do “verão”, eles esperam que se faça um serviço decente.

* E eles merecem – dizem – porque produzem grande parte das hortaliças que chegam ao mercado.

* A primeira “friagem” do ano chegou mesmo e já há previsão de mais uma, com mais frio, para a semana que vem.

* Vai nevar na Colocação Mulateiro. 

Assuntos desta notícia

Join the Conversation