Política nacional 06/05/2012

“Preferi pecar por excesso a errar por omissão”.

Senador Humberto Costa (PT/PE) e seu relatório contra o senador Demóstenes Torres.

PSD de Kassab possui fundadores de fachada
Além de ter apresentado assinaturas repetidas e até de pessoas que já morreram para obter registro no Tribunal Superior Eleitoral, o PSD do prefeito Gilberto Kassab também possui fundadores de fachada. Ex-integrantes do PRTB, o deputado estadual Vinicius Azevedo Gurgel (AP) e José Antonio Vitti (GO) assinaram ata de fundação do PSD, mas são filiados a partidos diferentes. Gurgel integra o PR e Vitti, o DEM.

Conta de multiplicar
Os membros do PSD desafiam até a matemática. Apesar da lista de 500 mil filiados, o Tribunal Superior Eleitoral registra apenas 173.855.

Desgraça alheia
Para Esperidião Amin (PP-SC), a CPI do Cachoeira deveria se chamar “CPI Schadenfreude”. Em alemão, “alegrar-se com a desgraça alheia”.

Dormindo com o inimigo
Humilhante o fim de Osama Bin Laden, traído por uma bomba caseira: sua primeira mulher o entregou aos americanos, diz o Paquistão.

Pergunta no vestibular
A entrega no atacado de títulos honoris causa a Lula explica por que só uma universidade brasileira está entre as melhores do mundo?

Dilma pode participar de operação contra drogas
A presidenta Dilma Rousseff avalia com o ministro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), general José Elito, a possibilidade de participar da Operação Ágata IV, que combaterá o tráfico de drogas nas fronteiras com o Suriname, Guiana, Venezuela e Colômbia. A operação está marcada para os dias 14 e 15 de maio nos municípios de Tiriós (PA), Boa Vista e Surucucu (RR) e Manaus (AM).

Polo de Manaus, 45
O Congresso homenageia amanhã (7) os 45 anos do polo de Manaus. A proposta é da senadora Vanessa Grazziolin (PCdoB-AM).

Sonho meu
Empresários chineses querem instalar indústrias semi-manufatureiras na periferia do DF. Eles dizem que Brasília é marca forte na China.

Boi na linha
A Rússia ameaça embargo total da carne brasileira, após “negativar” vários frigoríficos. Alega prazos descumpridos e falta de relatórios.

Raspa do tacho
Uma semana antes de a Controladoria Geral da União abrir processo para investigar a Delta, a empreiteira ganhou aditivo de R$ 1,7 milhão em contrato com o DNIT no Rio. A obra vai a R$ 8,3 milhões.

Governo intrigado
O Planalto ganhou uma pulga atrás da orelha com a no-meação do ministro Garibaldi Alves (Previdência) e do líder do PMDB, deputado Henrique Alves (RN), para o Conselho Político da governadora Rosalba Ciarlini (DEM), com a missão de tutelar seu governo em todos os atos.

Ordem na casa
O ex-ministro Luiz Paulo Barreto, secretário de Planejamento do governo do DF, convidou a advogada Mariana Delgado para assumir a Subsecretaria de Licitações e Compras. Quer pôr ordem na casa.

Investigação preservada
A senadora Kátia Abreu (PSD-TO) e o deputado Luiz Pitiman (PMDB-DF) propuseram que sejam secretas as reuniões da CPI mista de Cachoeira com delegados e procuradores, como única maneira de ouvi-los preservando-se a investigação e o segredo de justiça.  

Inspiração
A Polícia Civil do DF chamou de Saint-Michel o desdobramento da Monte Carlo, de Cachoeira, porque é “bairro francês”. É um boulevard famoso em Paris, que não tem cassino nem construtora Delta.

Gasparzinho mineiro
O Ministério Público Federal em Montes Claros instaurou inquérito civil contra o deputado Márcio Reinaldo (PP-MG). Ele é acusado de manter um funcionário fantasma, Ailton Neres. Em conversa com a coluna, o deputado inicialmente não se recordava do assessor. Depois lembrou.

Tempo de vacas obesas
Marco Aurélio Marrafon, assessor de Pedro Taques (PDF-MT) no Senado, e o advogado Pablo Malheiros estão com duas dezenas de processos envolvendo cartórios no Supremo Tribunal Federal.

Pensando bem…
…a causa honoris de Lula é provar que o mensalão não existiu.

PODER SEM PUDOR
Reprodutor de votos
Candidato em 1968 à prefeitura de Barretos, capital da agropecuária paulista, Cristia-no de Carvalho era chamado de “velho” pelos adversários. Certo dia, num comício, alguém provocou: “fala mais alto, bagaço!”. Ele respondeu:
– Eu quero lembrar que sou candidato a prefeito, e não a reprodutor. Se a cidade quer um bom reprodutor, vocês devem votar no outro. Mas se deseja um bom prefeito, votem em mim.
Ganhou a eleição.

Assuntos desta notícia

Join the Conversation