Pular para o conteúdo

Tentativa de fuga em unidade prisional resulta em agente penitenciário ferido

 Uma tentativa de fuga realizada na tarde desta segunda-feira, 5, por um grupo de sete presos na penitenciária Francisco de Oliveira Conde, em Rio Branco, foi frustrada pela Polícia Militar e agentes penitenciários, mas resultou em um agente ferido. Os presos foram encaminhados para a Delegacia de Flagrante (Defla) e o agente penitenciário para o Pronto Socorro, onde apresenta quadro de saúde estável.

 Segundo o Instituto de Administração Penitenciária do Estado do Acre (Iapen), os sete presos aproveitaram o banho de sol do Alojamento Quatro, onde se concentravam 240 homens, e subiram a guarita. Ao chegar ao topo, tentaram abordar e retirar a arma do agente Marcio Bento Mota, que se encontrava na guarnição.

 “Durante esse momento, o agente que cuidava da outra guarnição viu o que estava acontecendo e começou a atirar nos presos com balas de borracha”, conta Denis Picolo, diretor da Unidade de Acolhimento Provisório e Semiaberto Um. Recuados, os presos voltaram atrás, mas jogaram Marcio da guarita, a uma altura de cinco metros.

 Os sete presos foram contidos e identificados pelos agentes penitenciários e a Polícia Militar e encaminhados a Defla, sendo depois reconduzidos a unidade  prisional. O agente Marcio Mota foi encaminhado imediatamente ao Pronto Socorro, onde recebeu cuidados e apresenta quadro estável. Samuel Bryan (Agência de Notícias do Acre)