Pular para o conteúdo

Gladson discute com ministro obras da BR-364 e pontes Brasiléia/Epitaciolândia e Rio Madeira

 Em reunião com o ministro dos Transportes, César Borges, e o diretor do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), general Jorge Fraxe, o deputado federal Gladson Cameli (PP/AC), juntamente com os deputados Márcio Bittar (PSDB), Perpétua Almeida (PCdoB) e os senadores Sérgio Petecão (PSD), Jorge Viana e Aníbal Diniz (PT), receberam a garantia de várias ações sobre a conclusão da BR-364, a construção da ponte Brasiléia/Epitaciolândia e a construção da ponte sobre o Rio Madeira.

 Preocupado com a conclusão e manutenção das obras da rodovia, o deputado acreano reiterou a solicitação para que as obras de manutenção da BR-364 sejam transferidas para o Dnit, já que o estado do Acre não tem condições econômicas de executar o serviço, hoje realizado pelo departamento apenas no trecho Porto Velho/Rio Branco e Rio Branco /Sena Madureira.

 Cameli abordou também na conversa com as autoridades em Brasília a necessidade de construção da ponte que liga os municípios de Brasiléia e Epitaciolândia, no Vale do Alto Acre. O projeto que já existe, inclui um anel viário, e para o deputado a execução tem caráter de urgência, pois esta é uma das grandes reivindicações da população da região.

 Entre as pautas discutidas esteve a construção da ponte sobre o Rio Madeira, que teve vários editais suspensos pela Justiça, causando grande polêmica entre a população acreana, que sonha com a realização do projeto como um dos grandes saltos para o desenvolvimento econômico do Estado.

 César Borges, por sua vez garantiu a publicação do novo edital da obra para a próxima segunda-feira, 26 de agosto, gerando grande satisfação por parte dos deputados e senadores acreanos.

 A bancada agradeceu o empenho do ministro e do diretor do Dnit, e informou que caso haja um novo pedido de impugnação do edital e o início da obra venha ser novamente impedido judicialmente, os representantes do Acre no Congresso Nacional farão uma ação conjunta para solucionar o problema.

 “Agradeço a atenção do ministro César Borges e do diretor do Dnit, Jorge Fraxe, sobre a pauta da BR-364 e da ponte Brasiléia/Epitaciolândia, pois todo Acre aguarda ansiosamente a conclusão destas obras, que são de suma importância para o progresso do nosso Estado”, disse Gladson Cameli.

 Sobre a ponte do Rio Madeira, o parlamentar diz que não há mais o que esperar, pois já está altamente prejudicada pela morosidade e os mistérios que cercam o início das obras.

 Cameli ressaltou que não medirá esforços para engrossar toda e qualquer ação necessária para que empreendimentos de grande relevância como a BR-364, a ponte Brasiléia/Epitaciolândia e a ponte sobre o Rio Madeira, de fato, saiam do papel.