Pular para o conteúdo

Marcus Alexandre cobra agilidade nos serviços no bairro Vitória

Bairro Vitoria 1‘Isso é novo mesmo’. O prefeito Marcus Alexandre esteve com o dono da empresa que executa a obra aqui no Vitória, disse na nossa frente que queria que essa galeria aqui da Travessa Mangalarga fosse feita logo, o que não aconteceu porque faltou uma máquina para eles terminarem o trabalho. Choveu e a situação piorou então nós chamamos o prefeito e ele veio de novo, reconheceu o atraso, pediu desculpas e junto com o empresário encontrou uma solução para o problema ali mesmo na nossa frente. Esse é o diferencial do prefeito Marcus Alexandre: ele enfrenta o problema”, esse foi o desabafo da dona de casa Liberdade Braga, na manhã desta quarta-feira, no bairro Vitória, um dos oito que recebe obras de urbanização por meio do PAC II.

O prefeito Marcus Alexandre garantiu aos moradores que o problema da galeria será resolvido antes que as chuvas se intensifiquem, e para isso, novos equipamentos, como uma escavadeira hidráulica, será utilizada. O serviço terá que ser refeito, alterando o curso das águas que passam pela galeria, para o Igarapé São Francisco. “Eu já exigi mais atenção por parte da empresa e da secretaria de Obras e até o fim de novembro vamos estar com essa galeria fechada para evitar mais transtornos para a comunidade e também para que possamos fazer a pavimentação no próximo ano”, afirmou o prefeito.

O deputado Éber Machado, que acompanhou o prefeito, na vistoria as obras do bairro Vitória, destacou a disposição e coragem do prefeito em ir ao encontro dos moradores para dar explicações sobre o andamento dos serviços que estão sendo executados. “O importante é fazer o trabalho e manter sempre o contato com a população”.

Mais de 50 ruas estão sendo urbanizadas no bairro
As obras de urbanização do PAC II são realizadas em oito bairros de Rio Branco e o bairro Vitória tem o maior volume de obras: 53 ruas serão asfaltadas e o bairro vai ganhar ainda redes de esgoto e de drenagem, além do paisagismo. Um córrego que existe no local vai ser urbanizado. A 1ª empresa contratada a, J.M, teve problemas em cumprir os prazos e teve o contrato cancelado pelo prefeito Marcus Alexandre. Agora, os trabalhos são executados por uma nova empresa. (Texto e foto: Ascom PMRB)