Pular para o conteúdo

Deputado Flaviano Melo comemora a volta do antigo horário do Acre

flavianohorarioo 
31 de outubro. A data não poderia ser mais simbólica. Depois de  exatos 3 anos do cidadão acreano ter  ido às urnas rejeitar ,por maioria, um novo horário imposto, foi publicada ,nesta quinta-feira, a sanção da presidente Dilma Roussef ao projeto de lei n°43/2013 que retoma o horário tradicional do Acre. O deputado Flaviano Melo (PMDB), autor do projeto do referendo que chamou às ruas o acreano para dar sua opinião sobre uma mudança que afetava sua própria  rotina, comemorou a decisão presidencial como “uma vitória da persistência e determinação  de fazer valer a vontade expressa pelo voto”.

 Com a sanção presidencial, o horário deve retornar oficialmente no próximo dia 10. Para Flaviano, foi sobretudo a vitória da democracia, traduzida na realização de um referendo  que deu espaço para a manifestação de todas as tendências e opiniões, que  de forma livre e transparente,puderam discutir abertamente a questão, dando chance para que a  população votasse de maneira  consciente. “O Acre saiu na frente na consulta popular local, inaugurando uma fase de ouro para a opinião pública”, disse o deputado.

 Realizado o referendo, o esforço pelo reconhecimento da vontade popular,segundo Flaviano, valeu muitas noites de sono, mas reforçou a obstinação em dar ao referendo o valor de decisão definitiva. “Tanto que elaborei uma PEC dando peso de lei à consulta popular”. O deputado confessa que, no Congresso Nacional,  teve que travar uma batalha sem precedentes  contra os interesses políticos contrariados e a articulação dos poderosos. Mas a esperança  sempre deu a palavra final.

A vitória da opinião pública – De acordo com Flaviano, o maior estímulo para continuar na luta  sempre foi a expectativa de muitos em torno do respeito ao voto dado nas urnas. ”Sempre me questionavam se o voto do referendo valia menos que o voto dado ao político”. Sancionada a lei, o deputado considera cumprido seu papel numa etapa decisiva de sua vida pública. ”Valeu todo o esforço e a preocupação de dar uma resposta digna a todo o Estado. Agora só cabe dizer: Parabéns povo acreano, a vitória é sua”.