Pular para o conteúdo

Diretor da ANA garante recursos para viabilizar estudo para construção de barragem no Rio Acre

O diretor-presidente da Agência Nacional de Águas (ANA), Vicente André, garantiu a liberação de recursos ao Governo do Estado para a viabilização de estudos geológicos para a construção de eclusas no curso do Rio Acre. A ideia é evitar que no período de cheias o rio venha a transbordar e causar transtornos a milhares de famílias.

As informações da viabilização dos estudos foram repassadas pelo deputado Eduardo Farias (PCdoB), autor do projeto. De acordo com ele, por meios de centrais que serão instaladas ao longo do manancial para acompanhar a precipitação pluviométrica será possíveis prever catástrofes como a ocorrida em Brasiléia, no ano de 2012.

“Aquilo que aconteceu em Brasiléia, em que foram pegos de surpresas, com esse recurso teremos a capacidade de termos em tempo real, a precipitação das chuvas. O Vicente André garantiu que vai preparar um convênio para os estudos geológicos. Poderemos ter um reservatório de água e acabarmos com os problemas das cheias e da seca, no verão”.

O deputado Manoel Mo-raes (PSB) disse que a luta de Eduardo Farias é importante e afirmou que irá acrescentar três pontos importantes no projeto encabeçado por Eduardo Farias. “Primeiro é recuperar as florestas ciliares. Segundo promover o repovoamento de peixes e tartarugas e o último ponto é fazer a limpeza do rio”.