Pular para o conteúdo

Gazetinhas 07/01/2014

* Agora vai!

* Passada a ressaca do ano novo, começa 2014.

* Então, sem choro, nem vela, ao trabalho, rapaziada!

* E, por aqui, a primeira segunda-feira do ano começou animada.

* Pelos altos deste matutino, a visita ilustre do governador Tião Viana, com os bons assessores Andrea Zílio e Leonildo Rosas.

* Vieram fazer o tradicional balanço do ano que passou e falar sobre os projetos e desafios do ano que inicia.

* E põe desafios nisso!

* Candidato declarado à reeleição, Tião sabe que terá uma boa batalha pela frente.

* Mas, quem disse que ele tem medo disso?

* Por trás do olhar sereno e da fala mansa, é um homem arrochado.

* Tá certo. É assim que tem que ser.

* Em poucos minutos de conversa, é o sonho de entrevistado pra qualquer jornalista também.

* Inteligente, articulado, ligado em todos os fatos e números possíveis e imagináveis, tudo que ele fala rende aspas.

* Também não se esquiva dos assuntos mais delicados e das piadinhas capciosas do velho titular da coluninha.

* O velhinho é pra frente, né, não, governador?

* Não se aquieta!

* Ririri.

* Questionado sobre a polêmica candidatura da FPA ao Senado, Tião mantém o perfil ponderado e conciliador, que tanto lhe rendeu louros à época em que era parlamentar.

* Mas, garante: a Frente sairá com candidatura única.

* Então, o negócio é o seguinte, leitor: Tião pra governo, Perpétua de vice, Aníbal para o Senado.

* Caaalma, olha a briga!

* Isso quem tá dizendo é o jornalista “pra frente”…

* Hehehe.

* “Vai ter emoção até o mês de maio”, afirma Tião…

* … “Mas vai sair um ‘habemus papa’ daqui”.

* Huum. Então tá.

* E a briga com o irmão Jorge Viana? Tá feia mesmo, governador?

* Para com isso, velhinho bisbilhoteiro!

* “E qual irmão que não briga?”, responde Tião.

* … “E o PT não vive sem briga”…

* “Eu e o Jorge concordamos em muitas coisas, mas também discordamos. Ele tem autoridade para opinar, e eu também posso discordar. Isso faz parte da nossa relação”.

* Vale a pena conferir a boa entrevista nas páginas 4 e 5.

* Eita, o ano mal começou e todo mundo já tá de olho no calendário de feriados!

* Pois bem! Em 2014, somente cinco feriados nacionais cairão em dias úteis.

* Tá de bom tamanho, né?

* Já não bastam as datas comemorativas estaduais e os dias de jogos da Copa?

* Para de reclamar, preguiçoso!

* INTERINA: Maíra Martinello.