Pular para o conteúdo

Material escolar: variação de preço chega a 70%

As papelarias em Rio Branco já comemoram o aumento na procura de material escolar devido à proximidade do ano letivo de 2014. A variação de preços dos cadernos, mochilas, lápis, canetas, dependendo da marca e da licença, pode chegar a 70%. Mas os pais podem ficar tranquilos. Tem material para todos os bolsos. Porém, uma dica importante é não levar as crianças na hora das compras.

De acordo com o proprietário da Papelaria Escolar, Victor Davi, o aumento neste início de mês já registra os 15%. A expectativa é de 40%. “Este ano ocorre algo incomum. Devido à Copa do Mundo, o ano letivo começará no início de fevereiro, na maioria das escolas em Rio Branco. Então, a tendência é que os pais lotem as papelarias no mesmo período. Por isso, a dica é comprar o quanto antes”, alerta.

Para manter o padrão do bom atendimento, Victor Davi confirma que já contratou funcionários temporários. “Este ano já contratamos mais que ano passado. Estamos otimistas quanto às vendas. Oferecemos descontos no pagamento à vista e parcelamentos. Além disso, alteramos o horário de funcionamento”, complementa.

A autônoma Maria das Graças aproveitou a folga no trabalho para comprar o material dos filhos. Em busca de produtos com qualidade e bom preço, ela preferiu deixar as crianças em casa e pechinchar bastante antes de fechar as compras.

“Se tivesse trazidos eles, a compra sairia o dobro do que ficou. Além disso, o material escolar não se resume apenas a caderno, caneta e mochila. O que pesa no bolso são os livros. Então, não dá para comprar o que eles querem na papelaria”, destaca a autônoma.