Ministro do Turismo assina ordem de Serviço do Shopping Popular no valor de R$ 17 milhões

 O ministro do Turismo, Gastão Vieira, cumpriu duas agendas em sua passagem pelo Estado, ontem, 23. Pela manhã, o ministro, acompanhado do governador Tião Viana (PT); do prefeito de Rio Branco, Marcus Alexandre, e dos senadores Jorge Viana (PT/AC) e Aníbal Diniz (PT/AC), além da deputada federal Perpétua Almeida (PC do B/AC), inaugurou o Sítio Histórico Quixadá. Já de tarde, o ministro assinou a Ordem de Serviço para o início das obras do Shopping Popular.

 Gastão Vieira ressaltou que a duas iniciativas assumem a finalidade de organizar a atividade turística no Estado. Segundo o ministro, os gestores do Acre estão de parabéns, pois aquilo que era relatado em Brasília pôde ser visto por ele. Acrescentou que o incentivo que o Ministério do Turismo tem dado ao Estado é fruto do empenho e desejo de todos os acreanos.
“Turismo é uma ação. Os gestores do Acre conseguiram me passar, sem que eu tivesse visto, a ideia do que estavam fazendo. O apoio do Ministério do Turismo é uma consequência da vibração dos próprios acreanos. Chegar aqui, hoje, é falar daquilo que eles me relatavam da história do Acre lá em Brasília”, pontuou o ministro.

 Já o governador Tião Viana ressaltou que Gastão Vieira é um visionário que contribui para o fortalecimento da atividade no país. O governador acrescentou, ainda, que Vieira sabe dos desafios e luta para colocar o Acre na rota do Turismo nacional. Para o chefe do Executivo acreano, a construção do shopping popular também deve ser entendida como um fomento à economia local, além de revitalizar um espaço que pode servir de ponto turístico em Rio Branco.

“O ministro é um apaixonado, um homem de visão para o Brasil. Ele sabe porque a França recebe 70 milhões de turistas e o Brasil menos de 6 milhões por ano. Ele sabe deste desafio. E essa nova agenda começa por todos os estados. Hoje, ele trouxe R$ 17 milhões  para o prefeito Marcus Alexandre iniciar o shopping popular. E que nós sejamos uma parte do endereço amazônico  no turismo”, destaca Tião Viana.

 Marcus Alexandre enfatizou que a obra não trará tantos transtornos aos comerciantes da área onde será construída a nova área comercial e reiterou que o prazo de execução é de 18 meses. Ele agradeceu o apoio da bancada acreana em Brasília pelo apoio na alocação e liberação dos recursos.

“Hoje é um dia daqueles que a gente nunca esquece. Não só eu, mas os camelôs e os comerciantes. A gente hoje tem a presença do ministro aqui para lançar uma obra que tanto sonhamos. O apoio que tivemos do Jorge e do Aníbal foi fundamental para a consolidação desse projeto. A partir de hoje, ele sai do papel e se torna realidade. A previsão é de 18 meses. Até julho do ano que vem, ele deverá estar pronto”, disse o prefeito.

 O vice-presidente do Senado Federal, Jorge Viana (PT/AC), disse que o Acre deixou de ser um lugar esquecido e entra na agenda turística do país. Jorge destacou, também, o incentivo do Governo Federal no setor. “Aqui é um dos lugares onde o Brasil começa. O Brasil começa a integrar o Acre ao mundo”.


Assuntos desta notícia

Join the Conversation