Política local 02/02/2014

“A beleza está nos olhos de quem olha”.
(Oscar Wilde, escritor irlandês)

Perpétua Almeida, a favorita
A próxima etapa da escolha do candidato ao Senado será na FPA, com dirigentes dos partidos da aliança dando o seu voto. Depois que o governador Tião Viana escolheu um vice do PT, a tendência é que a deputada federal Perpétua Almeida (PCdoB) venha a ser a escolhida. Mesmo com a hipótese do senador Aníbal Diniz (PT) defender a sua candidatura no fórum da FPA.

Sinal de reversão
Dirigentes que tinham se posicionado a favor da candidatura do senador Aníbal Diniz (PT) já anunciam que vão rever o apoio, já que o vice é do PT, e querem uma chapa mais plural.

PSDC volta atrás
O dirigente do PSDC, Osmir Lima, diz que se criou uma nova situação e o partido vai se reunir para discutir o quadro. “O PT não pode ter candidato a governador, a vice e ao Senado”, diz.

O que for melhor
O presidente do PEN, deputado Astério Moreira, diz que fica muito difícil chegar na opinião pública com uma chapa puramente petista, mas, que vai ouvir antes o governador Tião Viana.

Segue orientação
Tendo em seu quadro o vice-governador César Messias, o PSB deverá também ouvir Tião Viana, mas, a inclinação é pela candidatura de Perpétua Almeida.

Canto do ringue
Uma coisa é certa, com o anúncio da candidatura de Nazaré Lambert (PT) a vice na chapa de Tião Viana (PT), será difícil ao senador Aníbal Diniz (PT) colocar mais um petista na chapa.

Nada fácil
Se dentro da FPA a candidatura da deputada federal Perpétua Almeida (PCdoB) flui bem, sua dificuldade será congregar o PT e superar sérios entraves ao seu nome no meio evangélico.

Fato que preocupa
Ontem, conversando com um parlamentar evangélico ouvi essa preocupação em relação à candidatura de Perpétua Almeida (PCdoB) ao Senado, pelo seu apoio dado à causa GLBTs.

Não quer dizer nada
O fato de ter liderado as últimas pesquisas não quer dizer nada. A campanha nem começou. Pesquisa que vai dar o norte é quando se estiver na reta final da campanha.
 
Ponto a favor
Tião Bocalom (DEM) conseguiu o que dele não esperava o seu principal adversário na oposição, Márcio Bittar (PSDB), organizar num curto espaço de tempo o DEM nos municípios do interior.

Não só isso
Tião Bocalom não conseguiu só isso, mas, também montar uma chapa de deputado estadual.

Análise sensata
Uma das figuras mais importantes da oposição tem uma matemática própria para a disputa de vagas na Câmara Federal: dividida, a oposição fará no otimismo três deputados federais.

Nome novo
Mailza Gomes, esposa do prefeito de Senador Guiomard, James Gomes, deverá ser candidata a deputada estadual pelo PSDB. Com o James na coordenação, Mailza se torna bem competitiva.

Aliada forte
Além do apoio do prefeito James, pesará a seu favor na hora de pedir votos à sua candidatura a deputada estadual, a administração positiva do marido na prefeitura de Senador Guiomard.

Mote final
Com a chegada do deputado Luiz Tchê (PDT) é que se terá uma noção mais exata se vai vigorar a chapinha para deputado estadual, formada pelos partidos nanicos, é o principal articulador.

Nada simpática
A cúpula do PT quer o deputado Tchê (PDT) disputando no chapão para federal, que engloba  todos os partidos da FPA. Acha que a chapinha não elege ninguém e tira votos do chapão.

Para onde vai o Tchê?
O deputado Luiz Tchê (PDT) me disse antes do recesso parlamentar que levará o partido para uma aliança que lhe dê mais tranquilidade de se eleger deputado federal, descartou o chapão.

Pesou muito
O fator de já trabalhar com o governador Tião Viana como subchefe do gabinete civil, e ter uma vida inatacável, pesou muito a favor da escolha da advogada Nazaré Lambert para vice.

Sem reação negativa
Com todos os políticos com os quais conversei após a indicação não ouvi crítica à sua escolha.

Candidata à canonização
Quem assiste a uma entrevista da ex-senadora Marina Silva sai com a impressão que é candidata à canonização como Nossa Senhora da Política, tão é o seu purismo pregado.

Ministro do Obama
O Pelezinho, se queixa quem o procurou, depois que assumiu a Secretaria de Esportes parece que carrega o rei na barriga. Passa toda impressão que acha ser um ministro do Barack Obama.

Pegue umas aulas
Recomenda-se pegar aulas de humildade com o secretário de Pequenos Negócios, Reis.

Arapongas amadores
Um colega me revelava ontem a suspeita de ter o seu telefone grampeado. Da parte que me toca podem gravar e regravar o que digo no celular. Acho é graça dos arapongas amadores.

Agentes nada secretos
Lembro-me do tempo do SNI, quando todo mundo conhecia seus agentes, no Acre. Tinha um, que era padre, e fazia questão de exibir a carteira do SNI. Os arapongas de hoje são iguais.

Urbanizar e reprimir
A retirada de centenas de famílias da área alagadiça da Baixada da Habitasa e sua realocação na “Cidade do Povo” é uma medida necessária. Mas, o governo não pode ficar só nisso, tem de urbanizar o lugar e manter uma fiscalização dura para que novas famílias não ocupem o espaço deixado ou então estará colaborando para perpetuar o problema que suga todos os anos milhares de reais dos cofres públicos. Ou se faz isso ou será o mesmo que enxugar gelo.


Assuntos desta notícia

Join the Conversation