Pronatec Campo recebe inscrições até o próximo dia 26, são 1.190 vagas abertas para o Acre

 Os interessados nos 18 cursos diferentes oferecidos pelo Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego no Campo (Pronatec-Campo) já podem fazer suas inscrições nas as gerências da Secretaria de Estado de Extensão Agroflorestal e Produção Familiar (SEAPROF) até o próximo dia 26. São 1.190 vagas distribuídos em 17 municípios acreanos e os cursos são totalmente gratuitos.

 Cada curso tem duração de 200 horas distribuídas em aulas que acontecerão nos fins de semana durante três meses. A proposta é que as próprias comunidades rurais recebam as atividades facilitando para o produtor rural conciliar suas atividades com a ampliação de conhecimentos.

 A demanda dos cursos pelo Pronatec-Campo no Estado do Acre é organizada pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) atendendo parcerias com a SEAPROF e a Secretaria de Estado de Pequenos Negócios (SEPN). Já a oferta dos cursos é feita pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Acre (IFAC).

 Ao todo o Pronatec-Campo no Estado do Acre pretende atingir 7 mil vagas neste ano de 2014. Considerando o período das chuvas, estão sendo ofertados pouco mais de mil vagas para esta primeira temporada.

Segue lista dos cursos oferecidos por municípios:

Regional do Alto Acre

Assis Brasil: Agente de desenvolvimento cooperativista
Brasiléia: Agente de desenvolvimento cooperativista,  ovinocultor e suinocultor
Epitaciolandia: Agente de desenvolvimento cooperativista
Xapuri: açaícultor e horticultor orgânico
Regional do Baixo Acre
Acrelandia: piscicultor
Plácido de Castro: Auxiliar técnico em agropecuária e piscicultor
 Bujari: auxiliar técnico em agropecuária
Senador Guiomard: operador de beneficiamento de pescado
Porto Acre: Avicultor
Capixaba: Operador de máquinas e implementos agrícolas e piscicultor
Rio Branco: avicultor, operador de máquinas e implementos agrícolas e piscicultor
Regional do Vale do Purus
Sena Madureira: Apicultor, avicultor,  horticultor orgânico e piscicultor
Manuel Urbano: criador de peixes em tanque rede, cafeicultor e fruticultor
Regional de Tarauacá-Envira
Tarauacá: avicultor, agricultor familiar e fruticultor
Feijó: avicultor, fruticultor, piscicultor, criação de peixes em viveiros escavados, criação de peixes em tanque rede, avicultor e fruticultor
Regional do Vale do Juruá
Cruzeiro do Sul: operador de beneficiamento de pescado e operador de máquinas e implementos agrícolas
Rodrigues Alves: viveiricultor e criador de peixe em tanque rede

Assuntos desta notícia


Join the Conversation