Treinador Zico se apresenta no Plácido e quer mudanças: “temos que motivar grupo”

O atual campeão acreano está com novo técnico. O ex-atacante Edivaldo Neri, mais conhecido por Zico, 38 anos, se apresentou na tarde desta quinta-feira (24) no estádio José Ferreira, o Ferreirão, e substitui Carlinhos Minaçu, que deixou o comando da equipe depois da vitória por 2 a 1 em cima do Alto Acre. Zico assumiu o Tigre e quer uma mudança de postura do time para poder chegar ao bicampeonato.

O ex-atacante nasceu no município de Plácido de Castro e já defendeu os principais clubes da Capital, como o Rio Branco, Atlético-AC e Independência, além de uma passagem pela Adesg, de Senador Guiomard. De 2008 a 2013, o centroavante vestiu a camisa do Tigre do Abunã e estava sem jogar desde o ano passado. Agora, um novo desafio.

“Espero fazer um bom trabalho e que o time se porte de uma forma diferente dos últimos jogos. Para mudar isso, temos que motivar o grupo, porque os jogadores não estão motivados, e conseguir alguns reforços, porque o elenco está muito reduzido. Além disso, trabalhar a parte tática”, destacou.

O Plácido passou por um momento conturbado dentro e fora dos gramados, mas conseguiu se recuperar no estadual. Para Zico, chegar ao bi é um desafio que precisa ser encarado.

“Não é tão simples chegar ao título. Acredito que se colocarmos em prática todas as mudanças que tenho em mente com a chegada de reforços e a motivação do grupo, as possibilidades são grandes”.
A estreia do novo técnico no comando do Plácido é no domingo (27), às 17h, contra a equipe do Atlético/AC no estádio Antônio Aquino, o Florestão.  (Globoesporte.com)

Assuntos desta notícia

Join the Conversation