Acusado de executar Carlos Seco com três tiros é preso

Antônio seria o atirador
Antônio seria o atirador

Antônio Meneses de Castro, 39 anos, foi preso na manhã desta quinta-feira (24). Ele foi pego ao sair da Unidade Prisional 4, UP-4, mais conhecida como ‘Papudinha’, onde cumpre pena no regime semi-aberto.
Segundo a Polícia Civil, Antônio é acusado de, no dia 1º de abril deste ano, ter matado Carlos Eduardo Sousa da Silva, 35 anos, o ‘Carlos Seco’.

O crime aconteceu na Rua Rui Lino, Bairro João Eduardo. A vítima estava na frente de sua casa com seu irmão Rômulo Sousa da Silva e um amigo de nome Edinho Silva dos Santos. Eles foram surpreendidos supostamente pelo acusado  Antônio e seu compassa, Maris Kley Rodrigues de Oliveira, 25 anos. Os acusados chegaram em um carro Celta de cor preta, e já foram atirando nas vítimas.

Carlos Seco levou três tiros na cabeça e foi socorrido pelo Samu. Depois foi encaminhado ao Pronto Socorro de Rio Branco. Ele morreu 2 dias depois. Seu irmão, Rômulo, foi  atingido  na perna e o amigo Edinho conseguiu correr e se esconder.

Segundo investigações da polícia, Antônio teria disparado mais de 20 tiros contra as vítimas.

Antônio Meneses foi preso e encaminhado à delegacia do Gapc e será encaminhado ao presídio estadual. (L.C.)

Assuntos desta notícia


Join the Conversation