Mecânico é morto em Cruzeiro do Sul após discutir sobre eleições

O mecânico Manoel Régio das Chagas, 39 anos, foi morto na noite deste sábado, 25, em um bar, localizado na Avenida Boulevard Thaumaturgo, no Bairro Escola Técnica, em Cruzeiro do Sul. O crime foi motivado por uma discussão política entre a vítima e um suspeito durante uma bebedeira.

De acordo com o delegado responsável pela investigação, Elton Futigame, após a discussão, a vítima agrediu o autor com uma lâmpada de emergência, quebrando o objeto na cabeça do suspeito. O homem então, saiu do bar prometendo que voltaria para cometer o homicídio. O suspeito voltou com uma faca e perfurou o mecânico nas costas.

A Polícia Civil conseguiu prender o suspeito na manhã de domingo, 26, em sua residência. Ele estava dormindo no momento em que foi abordado. Segundo o delegado, o homem já foi encaminhado para a Penitenciária Manoel Nery da Silva, onde aguarda julgamento.

“A vítima estava pagando a conta para ir embora, quando o autor chegou por trás e o atingiu com uma facada fatal nas costas. A Polícia Civil tomou conhecimento e começou as diligências vindo a fazer a prisão do autor na manhã de domingo. Foram feitos os procedimentos, foi lavrado o flagrante, a Justiça comunicada, e ele encaminhado para a penitenciária”, explicou o delegado Futigame.

O mecânico morto morava na Capital e estava a serviço em Cruzeiro do Sul. (Vanísia Nery, Do G1/AC)

Assuntos desta notícia