Cheia no Acre: Jorge Viana anuncia reunião da bancada com o ministro da Integração

 O senador Jorge Viana foi à tribuna do Senado pedir providências do Governo Federal para socorro às vítimas das enchentes no Acre. O senador relatou a situação grave que vários municípios do Estado têm enfrentado com aumento do nível das águas, especialmente na região do Alto Acre. E anunciou que haverá nesta terça, 24, audiência da bancada acreana com o ministro da Integração Nacional, Gilberto Occhi, para tratar do apoio ao governo e às prefeituras das cidades atingidas.

“Os prejuízos são incalculáveis. Não há o que se discutir. Não é situação de emergência. É de calamidade pública direto”, alertou o senador que articulou o encontro no ministério e entrou em contato com o senador Sérgio Petecão, coordenador da bancada do Acre, para acionar os demais parlamentares do estado, assim como estendeu o convite ao senador Gladson Cameli. “O momento é de união de forças, independente de partido”, declarou.

O senador também apresentou requerimento propondo a constituição de uma Comissão Temporária Externa, composta de cinco Senadores para que, juntos, possam ir a Assis Brasil, Brasiléia, Epitaciolândia, Xapuri e Rio Branco verificar de perto a situação. Jorge Viana lembrou que a cidade de Brasiléia enfrentou uma alagação histórica em 2012 e ainda estava se recuperando dos prejuízos. “As obras de reconstrução ainda estavam ocorrendo e de repente vem essa cheia que, hoje pela manhã, estava num nível muito próximo do nível alarmante de 2012”.

O senador acreano se colocou à disposição dos prefeitos das cidades atingidas para garantir apoio no pedido de recursos federais e ressaltou o trabalho que vem sendo executado pelo governador Tião Viana nesse momento de grande dificuldade: “Cumprimento o governador Tião Viana pela dedicação e cuidado que ele e sua equipe têm tido no socorro às vítimas e aos prefeitos. Indistintamente, o governador tem garantido o apoio necessário sem olhar para as diferenças partidárias”.

 

Assuntos desta notícia