Pesquisa Fecomercio apura o uso de Finanças Domésticas pelo acreano

Segundo pesquisa da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Acre (Fecomercio/AC), por meio do Instituto Fecomercio de Pesquisa Empresarial do Acre (Ifepac), 45% dos acreanos afirma manter o controle dos gastos do consumo mensal. Já 35% não exercita qualquer planejamento para controle das despesas, e 20% demonstra preocupação apenas com grandes gastos.

A pesquisa foi realizada entre os dias 19 e 22 de janeiro, junto a 400 pessoas em domicílio local. O objetivo é analisar como a população vem se conduzindo no mercado em um período onde o governo adota políticas de emergência, a fim de recuperar a situação deficitária atual.

Sobre as formas de pesquisa antes da compra, 34% dos consumidores acrianos dispõe de tempo para comparar preços. No entanto, 49% afirma pesquisar preços de vez em quando, e 17% não faz qualquer verificação prévia sobre os preços do consumo que pretende realizar.

A pesquisa demonstra ainda que 46% da população acreana tem preferência por realizar pagamentos à vista, caso tenha desconto sobre o preço ofertado. Porém, 49% não demonstra assiduidade nessa forma de pagamento, e 9% não paga os gastos no ato da compra.

Mesmo sem planejamento organizado, 50% da população acreana, quando resolve adquirir um bem que venha a comprometer um volume maior de suas finanças, prefere poupar por um determinado tempo a fim de que, no momento do negócio, tenha o valor necessário para a compra desejada.

Já 44% simplesmente procura um estabelecimento comercial que ofereça sistema de crediário mais ou menos em conformidade com a sua capacidade de pagamento, e 7% utiliza o limite disponível do cheque especial para realizar o pagamento. (Ascom Fecomercio/AC)

Assuntos desta notícia