Solenidade marca posse de nova diretoria da Asmac

Juiz Giordane de Souza Dourado é o novo presidente da Asmac
Juiz Giordane de Souza Dourado é o novo presidente da Asmac

A solenidade de posse da nova diretoria da Associação dos Magistrados do Acre (Asmac), para o biênio 2015-2017, foi realizada na tarde de quinta-feira, 5, no Palácio da Justiça,

A nova diretoria foi eleita no dia 5 de dezembro de 2014. Duas chapas participaram do pleito, que culminou com a escolha da chapa “União e valorização”, que obteve 62,8% dos votos válidos. Os magistrados votaram por carta e de forma presencial.

Durante a solenidade de posse, foram homenageados o governador do Estado do Acre, Tião Viana, o presidente do Tribunal de Justiça do Acre, desembargador Roberto Barros, e o Assessor de Assuntos Políticos do governo, ex-deputado Elson Santiago, pela valorização da classe dos magistrados e o apoio frente às bandeiras defendidas pelos magistrados.

A nova diretoria ficou composta da seguinte forma: O cargo de presidente da Asmac será ocupado pelo juiz Giordane de Souza Dourado; a 1ª vice-presidência ficará a cargo da juíza Lilian Deise Braga Paiva; e a 2ª vice-presidência com o juiz Anastácio de Lima Menezes Filho.

Estiveram presentes na solenidade de posse, a vice-governadora Nazaré Araújo, o prefeito de Rio Branco, Marcus Alexandre, e a decana do Tribunal de Justiça, Desembargadora Eva Evangelista, que na ocasião representou o presidente do TJ, desembargador Roberto Barros.

Após o juramento solene, o novo presidente da Asmac, juiz Giordane Dourado, ressaltou a importante contribuição dos presidentes que o antecederam na luta da defesa dos direitos da magistratura e convidou os demais membros da diretoria para juntos trabalharem na continuidade do engrandecimento e fortalecimento da instituição.

“A Asmac vem ao longo dos anos se fortalecendo cada vez mais na defesa e valorização da magistratura acreana, e este continuará a ser o caminho trilhado pela nova diretoria, sem esquecer a realização de ações para aproximar ainda mais o magistrado da comunidade”, afirmou o magistrado. (Foto: Odair Leal/ A GAZETA)

Assuntos desta notícia