Homem é preso suspeito de tentar vender casa do governo na capital

 Enquanto tentava vender uma casa de um conjunto habitacional, Erivan de Oliveira Guedes, de 41 anos, foi preso pela Polícia Civil na quinta-feira, 5, em um posto de gasolina no bairro Wanderley Dantas, em Rio Branco. Contra ele, existem ainda nove boletins de ocorrências de estelionato.

Erivan foi preso e deve ser encaminhado para o presídio ainda nesta sexta-feira, 6. A polícia o aponta também como um dos envolvidos em uma fraude no Detran de Cruzeiro do Sul em 2009, tendo um mandado de prisão expedido em 2010 pela Justiça do município.

“Tivemos a informação de que o suspeito estava praticando estelionato em Rio Branco e então monitoramos até ele ser preso enquanto negociava uma casa do governo. Além disso, tem nove boletins de ocorrências contra ele, que também participou de uma fraude no Detran de Cruzeiro do Sul”, explicou o coordenador chefe do Grupo Especial de Captura da Polícia Civil, Benício Araújo.

O suspeito nega as acusações e alega que a polícia vai ter que provar que ele cometeu os crimes. “Eu não tenho nada a ver com isso que estão me acusando. A casa é minha e não estava tentando vender. Vão ter que provar isso aí e também não estava foragido, caminhava na rua normalmente”, se defendeu.

Assuntos desta notícia