Empréstimos consignados terão prazo prorrogado

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Gestão Administrativa (SGA) e Secretaria da Fazenda (Sefaz), estabeleceram acordo com o Banco do Brasil para garantir benefícios aos servidores que necessitarem realizar empréstimos consignados, além de um período de carência nas parcelas.

O acordo estabelece que haja a suspensão do pagamento dos empréstimos consignados pelo período de quatro meses. Os servidores que já tenham adquirido empréstimo recentemente terão flexibilidade do prazo de seis meses para casos de renegociação de dívidas e também para a realização de novas operações.

“Devido à catástrofe que o nosso Estado atravessa, reunimo-nos com o Banco do Brasil para buscar esse benefício aos servidores. É uma medida emergencial a fim de que se restabeleça a economia e a vida familiar dos que foram atingidos”, ressaltou Sawana Carvalho, secretária de Estado de Gestão Administrativa (SGA).

O Banco do Brasil garante que a taxa de dos juros cobrada pela prorrogação ou do prazo de carência será menor que a praticada atualmente pelo banco em condições de normalidade, podendo ser renegociada.

Os servidores que tiverem interesse em obter os benefícios acordados entre o Governo do Estado e o Banco do Brasil devem procurar a sua agência ou utilizar os autoatendimentos (caixas eletrônicos) até o dia 30 de junho de 2015. (Annie Manuela Ribeiro /Agência Acre)

Assuntos desta notícia