Gazetinhas 17/04/2015

* Olha o passarinhooo!

* Deputado Ney Amorim, governador em exercício nos últimos dias, tá que não perde um flash!

* É com o prefeito aqui; com os deputados acolá; com a dona Maria ali na esquina.

* Tá saindo bem na foto…

* Só não vale se empolgar demais com a cadeira do Executivo.

* Bom, pelo menos, por enquanto, sem chances, né?

* Mal esquentou o assento, e o dono do lugar já está de volta.

* Após dois dias cumprindo agenda em Brasília, governador Tião Viana retornou à labuta acreana.

* E traz boas notícias, dessa vez sobre investimentos para zona rural.

* Ações importantes, como projetos para assentamentos sustentáveis e melhoria dos ramais, para facilitar o escoamento da produção.

* Após o prejuízo de mais de R$ 30 milhões, contabilizado pela agricultura familiar, após a última cheia do Rio Acre, toda ajuda será muito bem-vinda.

* Falando em ajuda…

* Deputados federais Sibá Machado e Léo de Brito não se fizeram de rogados e partiram para defesa do tesoureiro afastado do PT, João Vaccari Neto.

* Sibá já é velho conhecido da mídia nacional na arte de colocar a cara a tapa e aguentar as pancadas destinadas ao partido.

* E Léo, recém-chegado na capital federal, parece estar disposto a tomar o mesmo rumo.

* Na edição da última quarta-feira do Jornal da Globo, foi o escolhido para representar o PT, no quadro ‘Pinga-fogo’, em confronto com o deputado Onix Lorenzoti, do DEM.

* No debate sobre a prisão de Vaccari, o acreano voltou a defender o tesoureiro, destacando que ele sempre esteve à disposição da Justiça para prestar esclarecimentos…

* E que, portanto, a prisão preventiva foi um ato de “excesso”.

* Também minimizou a necessidade de “acareações” na CPI, sob o argumento de que não traria “grandes novidades”…

* “A não ser a pirotecnia que a oposição costuma fazer”.

* Saiu-se bem. Objetivo, seguro, tranquilo.

* E, discordâncias de opinião à parte, cumpriu bem o papel que lhe foi atribuído.

* Nos poucos meses de mandato, Léo já mostrou que não atuará no Congresso como figurante ou como tantos outros parlamentares que somente se dão ao trabalho de encaminhar ofícios.

* Mais um caso grave de violência é registrado em uma escola de Rio Branco.

* Um adolescente foi agredido a facadas, durante uma briga com um colega de classe.

* Do diretor da escola, veio uma declaração forte e inquietante:

* “Eu não fui preparado para fazer Segurança Pública. Fui preparado para ensinar”.

* Segundo ele, um pequeno arsenal de armas brancas, como soco inglês e facas de açougueiro, já foi retirado dos alunos durante as aulas neste ano.

* Só mais um triste reflexo da sociedade que estamos criando.

Assuntos desta notícia