Balanço parcial aponta que 86% dos contribuintes acreanos declararam IRPF

Pouco mais de 71 mil contribuintes acreanos declararam o Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) até às 18h da quinta-feira, 30, segundo balanço parcial divulgado pela Receita Federal. Um percentual de 86% em relação à meta estabelecida, que era de 83 mil declarações.

O prazo para cumprir a obrigação fiscal terminou às 23h59 (horário de Brasília) da quinta-feira. De acordo com o órgão, os contribuintes que perderam o prazo ficam sujeitos ao pagamento de uma multa de R$ 165,74, que pode chegar a 20% desse valor.

A previsão do Governo Federal é que as restituições comecem a ser pagas a partir de junho em lotes mensais, que devem se estender até dezembro deste ano. Os contribuintes que enviaram as declarações mais cedo, sem erros, devem ser os primeiros a receber suas restituições, caso tenham direito.

A declaração do Imposto de Renda é obrigatória para pessoas físicas que receberam rendimentos tributáveis superiores a R$ 26.816,55 em 2014 (ano-base para a declaração deste ano).

Os contribuintes que receberam rendimentos isentos, não-tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, cuja soma tenha sido superior a R$ 40 mil no ano passado, também são obrigados a declarar.

É obrigatória ainda para quem obteve, em qualquer mês de 2014, ganho de capital na alienação de bens ou direitos, sujeito à incidência do imposto, ou realizou operações em bolsas de valores, de mercadorias, de futuros e assemelhadas. (Do G1 AC)

Assuntos desta notícia