Pular para o conteúdo

A verdade

Se ainda não o fez, o Governo precisa vir a público para prestar esclarecimentos sobre a abertura de inquérito pela Polícia Federal, a pedido do Ministério Público Federal, para apurar supostas irregularidades sobre preço no transporte de imigrantes haitianos e de outros países do Acre para o Sul e Sudeste do País.

Trata-se de uma questão grave, que não pode ficar sem explicações sob pena, primeiro, de se aceitar como procedentes as denúncias, mas, sobretudo para não colocar sob suspeição todo um trabalho humanitário que o Estado vem fazendo nos últimos anos de acolher, dar assistência e encaminhamento a essa legião de imigrantes.



Além do que, partindo de quem partiu a denúncia, um deputado da oposição conhecido por suas posições radicais e xenófobas, é preciso que se dê uma satisfação à sociedade para saber quem está falando a verdade.

De outra parte, o que não se viu até agora foi a mesma preocupação e presteza do Ministério Público em exigir e até mesmo colaborar com medidas efetivas e enérgicas para combater o tráfico humano, realizado pelos chamados “coiotes”, na fronteira do Acre e de outros estados da Amazônia.

De qualquer forma, a questão está posta e é preciso, quanto antes, que a sociedade receba esclarecimentos sobre quem está falando a verdade.

error: Conteúdo protegido!!!